Uma das maneiras de se expor a mercados internacionais pela bolsa de valores brasileira (B3) é por BDRs (brazilian depositary receipts). O BFDL39 é um exemplo. Ele foi lançado em 2021, com lastro em um fundo de índice (ETF) norte-americano.

Assim, conhecer a alternativa pode ser interessante para investidores que desejam realizar aportes nos Estados Unidos. Isso permitirá analisar os riscos e as vantagens para saber se ela é uma boa escolha para compor o seu portfólio.

Entenda, a seguir, quais as características de um BDR de ETF, o que é o BFDL39 e o que analisar antes de realizar o aporte. Boa leitura!

O que é BDR?

Primeiramente, é preciso compreender o conceito de BDR. O termo em português significa certificado de depósito de valores mobiliários e consiste em um investimento negociado na bolsa de valores brasileira. Logo, ele faz parte da classe da renda variável.

Sua particularidade é ter lastro em ativos do mercado internacional. Funciona assim: uma instituição depositária compra os ativos estrangeiros, os deixa sob custódia e emite um BDR. Logo, os investidores podem adquirir os certificados no Brasil.

Os BDRs podem ser representantes de ações, títulos de renda fixa, fundos e outros. Mas é importante ter a ciência de que essa é uma exposição indireta aos ativos internacionais. Ela permite compartilhar os resultados que eles apresentarem, sem efetivamente tê-los na carteira.

O que é um BDR de ETF?

Para compreender o que é o BFDL39, também é preciso conhecer o conceito de ETF. Trata-se de um fundo de investimentos. Isto é, uma modalidade coletiva em que os investidores adquirem cotas e participam dos resultados do portfólio montado por um gestor.

A sigla ETF significa exchange traded fund. O objetivo dele é replicar algum índice do mercado. Portanto, o gestor profissional realiza o investimento em ativos segundo a composição da carteira teórica de um indicador.

Aliando os dois conceitos, o BDR de ETF é um certificado de depósito de valores mobiliários emitido no Brasil, com lastro em cotas de ETFs internacionais. Ou seja, é uma forma de você se expor aos fundos de índice de outros países.

O que é BFDL39?

Agora que você já sabe o que é um BDR de ETF, pode avaliar as características do First Trust Morningstar Dividend Leaders Index Fund, identificado pelo ticker BFDL39. Ele foi disponibilizado para negociação na B3 no dia 15 de setembro de 2021, junto a outros 12 BDRs de ETFs da First Trust.

Como o nome antecipa, o indicador de referência do ETF é o Morningstar Dividend Leaders Index. O foco dele são ações consideradas boas pagadoras de dividendos. Por ser um fundo norte-americano, o investimento é dolarizado, ajudando a diversificar em relação à moeda.

No entanto, ao analisar os possíveis ganhos com dividendos é preciso considerar os tributos e as taxas que incidem. Isso porque, além das tarifas da B3 e dos impostos cobrados no Brasil, o investidor também precisa assumir custos que são descontados nos Estados Unidos.

INVISTA EM AÇÕES COM A PLANILHA DE ANÁLISE FUNDAMENTALISTA Invista em ações

Outra informação importante é que, pelo menos até novembro de 2021, o BDR BFDL39 estava disponível para negociação apenas para  investidores qualificados. Ou seja, era preciso ser profissional certificado do mercado financeiro ou ter mais de R$ 1 milhão em investimentos.

Para quais investidores os BDRs valem a pena?

Depois de conhecer os BDRs de ETFs, que estão disponíveis na B3 desde agosto de 2020, você pode se perguntar se vale a pena investir no BFDL39 ou em outros certificados. Essa resposta é pessoal e depende de uma análise cuidadosa das suas preferências e do investimento em si.

O primeiro passo para identificar se um investimento se adéqua a você é conhecer o seu perfil de investidor. Afinal, é preciso avaliar a tolerância aos riscos oferecidos pelo ativo. No caso dos BDRs, trata-se de uma alternativa de renda variável. Portanto, sem garantias de resultados.

Apesar dos riscos, os BDRs oferecem a oportunidade de exposição internacional, ajudando a diversificar a carteira com ações, fundos ou títulos estrangeiros. A possibilidade é ainda mais ampla quando o certificado está lastreado em um ETF — que costuma ter portfólio variado.

Para saber se BDRs valem a pena no seu caso, é importante conhecer as vantagens e as desvantagens desses investimentos. Confira a seguir!

Vantagens dos BDRs

Como já ficou claro, uma das principais vantagens dos BDRs é a possibilidade de diversificar a carteira pela exposição a mercados internacionais. Desse modo, eles costumam ser descorrelacionados dos investimentos realizados no Brasil, ajudando a diluir riscos.

Outra vantagem é que BDRs são menos burocráticos do que a negociação direta no exterior. Por serem negociados na B3, o investimento não exige a abertura de conta no exterior ou a realização de câmbio para fazer o aporte.

Desvantagens dos BDRs

Já em relação às desvantagens dos BDRs, é necessário considerar o risco de mercado ligado à bolsa de valores. Além disso, a liquidez pode ser um desafio. Isso porque a proposta ainda é pouco negociada — o que pode causar dificuldades na compra ou venda.

As barreiras determinadas pela B3 são outro fator a ser considerado. No final de 2020 os BDRs se tornaram disponíveis a todos os investidores, não apenas os qualificados. Mas alguns deles — como o BDR de ETF BFDL39 — ainda contam com restrições de acesso que precisam ser analisadas.

Como investir em BDR?

Vimos que o investimento em BDRs tem como característica ser uma alternativa mais simples para ter acesso aos mercados internacionais. Nesse sentido, o aporte pode ser feito como ocorre nos demais ativos negociados na B3.

Portanto, basta ter uma conta em um banco de investimentos e acessar o home broker. Então você pode buscar pelo BDR desejado, identificado pelo ticker — como BFDL39. Na sequência, você deverá emitir a ordem de compra. Com a liquidação, o investimento passará a fazer parte da sua carteira.

Agora você sabe que o BFDL39 é uma alternativa lastreada no ETF First Trust Morningstar Dividend Leaders Index Fund, que foca em empresas boas pagadoras de dividendos. Se você ainda tiver dúvidas sobre o assunto, pode contar com o auxílio da assessoria de investimentos.

Deseja obter ajuda para conhecer mais sobre os investimentos? A Renova Invest pode ajudar. Converse com a nossa equipe para saber mais!