Investir no mercado externo pode ser uma oportunidade para diversificar sua carteira. Dessa forma, seus recursos não ficam atrelados apenas às condições do mercado nacional. Então, para se expor ao ambiente internacional, pode ser interessante conhecer as maiores empresas da China.

Com essas informações, você tem a chance de aproveitar os resultados de uma economia que apresenta um dos principais crescimentos do mundo. Ao mesmo tempo, vale a pena saber quais são as oportunidades disponíveis no mercado para fazer escolhas mais acertadas.

Quer conhecer as possibilidades do mercado chinês? Veja quais são 6 entre as maiores empresas da China!

Qual é o impacto da China na economia global?

Ao pensar em investir na China, é importante avaliar o impacto que o país tem na economia global. Durante 30 anos, por exemplo, a economia chinesa cresceu em um ritmo médio de 10% ao ano. Já no primeiro trimestre de 2021, o avanço no Produto Interno Bruto (PIB) foi de 18,3%.

Além do crescimento interno, as condições do mercado da China interferem em todo o mundo. Nesse ponto, os principais afetados são os países subdesenvolvidos, mercados emergentes e produtores de commodities e matérias-primas.

Ademais, com o país em contínuo desenvolvimento, a China costuma realizar volumosos acordos comerciais em busca de recursos, como minério de ferro, aço, petróleo e outros materiais.

Outra questão relevante está no fato de que, por ter mais de 1,3 bilhão de habitantes, o país é um grande consumidor de alimentos, desde grãos a carnes congeladas. Ao mesmo tempo, é um grande exportador de produtos manufaturados, participando de diversos comércios pelo mundo.

É por isso que impactos na economia chinesa afetam bolsas de todo o mundo. Ainda, há a expectativa de que a China supere a economia dos Estados Unidos e se torne a maior potência mundial, até 2028.

Em quais mercados a China se destaca?

Em relação aos segmentos econômicos, a China chama a atenção em áreas específicas. Ela está entre as principais produtoras de grãos e na produção de ovinos, por exemplo. Porém, seu destaque fica para a produção industrial focada no setor de varejo e no setor de tecnologia.

O e-commerce também aparece em alta no país, alcançando diversas partes do mundo. Outro setor de importância é o mercado imobiliário, aliado à área de construção civil. Na prática, isso demonstra como a economia chinesa é amplamente diversificada.

Quais são as 6 maiores empresas da China?

Devido ao crescimento contínuo, existem empresas chinesas que estão entre as maiores do mundo. As que mais se destacam são as empresas de capital aberto, as quais são negociadas tanto na bolsa chinesa quanto em outros mercados pelo mundo.

A seguir, veja quais são 6 entre as maiores companhias da China e conheça suas características!


INVESTIR FORA DO BRASIL? DESCUBRA COMO Investir fora do Brasil

INVESTIR FORA DO BRASIL? DESCUBRA COMO Investir fora do Brasil

Aprenda a como investir no exterior de forma prática


1. Alibaba Group

Fundado em 1999, o Alibaba Group é considerado o maior portal de e-commerce para negociações entre empresas (B2B). A proposta da plataforma é conectar fornecedores, distribuidores e importadores para realização de compras e vendas.

2. Baidu

O Baidu é um dos principais motores de busca do mercado chinês e do mundo. Ele foi fundado em 2000 e conta com outros serviços de tecnologia e internet, como portais de informações e navegador próprio.



3. China Petroleum

A China Petroleum é uma das maiores petrolíferas do país. Ela foi criada em 1988 e se transformou em um grupo integrado focado na produção e distribuição de óleo e gás do país.

4. JD.com

A JD.com, também chamada de Jingdong, é um e-commerce que se destaca no mercado chinês. Sua fundação aconteceu em 1998, com o nome 360buy. Desde então, a companhia se consolidou como uma das principais varejistas do mundo, com ações negociadas na bolsa americana Nasdaq.

5. PetroChina

A PetroChina é a maior empresa petrolífera da China e, considerando seu valor de mercado, está entre as maiores do mundo. Apesar de ser subsidiária da China Petroleum, a PetroChina se destaca no setor de produção e distribuição de petróleo e gás. Sua fundação aconteceu em 1999.

6. Pinduoduo

A Pinduoduo é outra entre as maiores empresas chinesas que é voltada para o e-commerce. Ela foi fundada em 2015 e foca na realização de compras online feitas em grupo. Com isso, o foco é garantir condições melhores para vendedores e compradores devido ao volume.

Como investir no mercado chinês?

Se você tiver interesse em investir na China, saiba que movimentar seus recursos no mercado chinês não é a única alternativa. É possível alocar seus recursos por meio do mercado brasileiro, o que torna o processo mais prático e conveniente.

Mas como fazer isso? A seguir, você descobrirá como investir nas maiores empresas da China!

ETFs

Uma das oportunidades consiste na compra de cotas de fundos de índice ou exchange traded funds (ETFs). Por meio dessa aquisição, você participa dos resultados do fundo, que tem os recursos movimentados por um gestor.

No caso de um ETF, a estratégia consiste em replicar a carteira teórica de um indicador de mercado. Para investir na China, especificamente, deve-se recorrer a um ETF ligado a um índice chinês.

Nesse sentido, uma das oportunidades no mercado brasileiro é o XINA11. Ele replica o índice MSCI China, tendo um resultado equivalente ao indicador antes de taxas e impostos.

Fundos internacionais

Ainda sobre os fundos de investimento, você pode recorrer aos fundos internacionais. Eles são classificados dessa maneira porque focam a alocação da maior parte dos recursos em ativos internacionais ou com exposição ao mercado externo.

Nesse caso, pode ser interessante buscar um fundo internacional ligado ao mercado chinês. Porém, tenha atenção para conferir a estratégia de alocação e a composição da carteira — isso permitirá que a escolha esteja alinhada às suas características.

BDRs

Outra possibilidade para investir no mercado chinês é o brazilian depositary receipt (BDR) ou certificado de depósito de valores mobiliários. Na prática, o BDR é um certificado negociado na bolsa brasileira com lastro em um ativo internacional.

Por meio dos BDRs, você pode investir em ações, ETFs ou títulos de dívida do exterior, por exemplo. No caso da China, é possível recorrer a BDRs ligados a empresas do país. Entre os exemplos, estão os BDRs do Alibaba (BABA34), do Baidu (BIDU34) e da PetroChina (PTCH34).

Com essas informações, agora você conhece quais são 6 das maiores empresas da China e os setores nos quais elas atuam. Se quiser investir, pode aproveitar as oportunidades disponíveis no mercado brasileiro, desde que elas se alinhem ao seu perfil e objetivos financeiros.

Para se aprofundar em cada oportunidade de investimento, entre em contato conosco da Renova Invest e tenha o suporte da nossa assessoria!