TECK11- Conheça o ETF das Big Techs
TECK11- Conheça o ETF das Big Techs

TECK11: Conheça o ETF das Big Techs

No mercado de renda variável, muitas pessoas preferem investir em grandes empresas. Há também quem goste de investir no setor de tecnologia. Você sabia que é possível unir as duas preferências por meio do TECK11?

Lançado em abril de 2021, o ETF TECK11 traz a possibilidade de o investidor brasileiro expor seu capital às big techs mundiais – diretamente da bolsa de valores brasileira (B3). Logo, o investidor não precisa fazer cambio ou se vincular às bolsas estrangeiras para ter exposição internacional.

Ficou interessado no assunto e quer saber mais sobre o ETF TECK11? Então acompanhe este post e veja se o investimento faz sentido para você!

O que é um ETF?

Antes de você avançar no estudo do ETF TECK11 é importante entender o conceito de ETF e saber como ele funciona. Essa é a sigla para exchange traded fund – ou fundo de índice.

Seu funcionamento é semelhante ao dos fundos de investimento, em que um gestor administra o portfólio e um grupo de investidores se expõe a ele. Assim, o profissional fica responsável pela realização dos investimentos, seguindo as regras do fundo.

Um ponto marcante é que, no ETF, a gestão é passiva. Nesse caso, o gestor tem o objetivo de reproduzir o desempenho de um índice de referência (benchmark), não sendo necessário superá-lo. Isso é feito aportando de acordo com a carteira teórica do índice escolhido.

Por exemplo, um dos índices mais conhecidos na B3 é o Ibovespa. Sua carteira teórica é formada pelas empresas mais negociadas no Brasil. Um ETF que tenha o Ibovespa como benchmark terá que adquirir essas ações de forma a espelhar a performance do Ibovespa.

O que são as big techs?

Para compreender o TECK11 também é preciso conhecer o termo big techs. Ele se refere às grandes empresas do setor da tecnologia, responsáveis por produtos e serviços inovadores que são utilizados em escala global. É o caso da Apple, Netflix, Google, Facebook e muitas outras.

Para permanecerem como líderes de mercado, as big techs precisam se manter em constante evolução. Assim, sempre estão buscando por tecnologias inovadoras e lucrativas que atendam às necessidades da população.

Dessa forma, as big techs demandam bastante investimento e, em troca disso, podem oferecer possibilidade de rentabilidades aos seus investidores a partir do potencial de crescimento. Por isso, podem atrair investidores interessados em tê-las em sua carteira de investimento.

O que é TECK11?

TECK11 é o ticker de negociação do ETF “It Now Tech”. Trata-se de um fundo de índice que tem como benchmark o NYSE FAANG+. Esse é o índice norte-americano das 10 maiores empresas do setor de tecnologia no mundo.

O ETF é administrado pela Itaú Asset Management, e sua negociação se dá através de cotas na bolsa brasileira. É cobrada uma taxa de administração para remunerar o gestor.

Aquele que adquire cotas do TECK11 terá seu capital exposto às seguintes empresas:

Facebook

O Facebook é a empresa por trás da maior rede social existente no mundo. Além disso, ela também é dona dos aplicativos Instagram e WhatsApp, plataformas que conectam milhares de pessoas diariamente.

Apple

A Apple é uma companhia voltada à produção de produtos eletrônicos de consumo, software e hardware. Seus produtos mais conhecidos são: o iPhone, iPad, Apple Watch, Apple TV e o Macbook, além de aplicativos como iTunes e iCloud.

Amazon

A Amazon.com é uma das maiores empresas de e-commerce mundiais, atuando também nos ramos da computação em nuvem, streaming e inteligência artificial. Entre seus produtos mais famosos destacam-se a Amazon.com, o Prime Video, Amazon Music e a Twitch.tv.

Netflix

A Netflix é uma criadora e provedora global de filmes e séries de televisão via internet (streaming). Nos últimos anos, ganhou grande destaque no mercado e está presente na vida de milhões de pessoas em todo o mundo.

Google

Google LLC é uma companhia multinacional de serviços online e software. Ela ganhou notoriedade no mercado a partir de seu buscador online, e posteriormente com produtos como o Gmail, Google Tradutor, Google News, Google Hangouts entre outros.

Alibaba

O Alibaba Group é um grupo de empresas chinesas que atuam com e-commerce, pagamentos online, e serviços de computação em nuvem. Entre eles, é possível destacar o site aliexpress.com e o Alipay, um serviço de pagamento online.

Baidu

A Baidu Inc. é um dos maiores motores de buscas mundiais, sendo mais conhecida e utilizada na China. Ela oferece um índice com mais de 740 milhões de páginas, 80 milhões de imagens e 10 milhões de arquivos multimédia, ultrapassando o Google e o Yahoo nesse segmento.

Nvidia

A Nvidia Corporation é uma empresa que atua na produção de unidades de processamentos gráficos (GPUs) para computadores e videogames. Também fabrica unidades de chip (SoCs) para o mercado de computação móvel e automotivo.

Tesla

A Tesla Inc. é uma companhia automotiva e de armazenamento de energia.  Seu foco é o desenvolvimento, produção e venda de automóveis elétricos de alto desempenho, assim como componentes para motores e câmbios para veículos elétricos e baterias.

Twitter

Twitter Inc. é a companhia que administra a rede social Twitter, uma das mais utilizadas no mundo. Uma de suas ferramentas principais é o Trending Topics, que reúne os assuntos mais comentados no mundo.

Quais as vantagens e desvantagens de ter TECK11 na carteira?

A principal vantagem de investir em TECK11 é a possibilidade de diversificação em seu portfólio. Isso porque, através da compra de uma cota, seu capital estará exposto a cerca de uma dezena de companhias de tecnologia, trazendo exposição internacional.

Outra vantagem é o já mencionado fato de não precisar tirar seu capital do país e ter gastos com câmbio ou enfrentar a burocracia de se vincular a uma bolsa estrangeira. Toda a negociação é feita em reais diretamente na B3, através de seu banco de investimentos.

Por outro lado, uma desvantagem é o fato de se tratar de renda variável – ou seja, não é possível prever se o investimento trará lucro ou prejuízo. Além disso, períodos de crise econômica ou política podem afetar severamente o investimento. Logo, é preciso estar atento aos riscos.

Como você viu, o TECK11 pode ser alternativa de investir em big techs sem precisar sair do Brasil. No entanto, a tomada de decisão deve levar em conta o perfil e os objetivos de cada investidor.

Em caso de dúvidas vale a pena contar com uma assessoria de investimentos, como a Renova Invest! Quer ajudar para entender as possibilidades de investimento? Entre em contato conosco!

Compartilhe:

Deixe uma resposta


whatsapp icon chatbot Renata

Quer fazer seus investimentos renderem mais?

Clique aqui e fale com os nossos Assessores

Utilizamos cookies que melhoram a sua experiência em nosso site. Todos seguem as regras da nossa Politica de Privacidade. Clicando em "OK" você concorda com a nossa política.