Em março de 2022, a bolsa de valores brasileira passou a contar com mais uma opção de ETF: o ELAS11. Ele é um fundo de índice composto por ações de empresas que se destacam pela presença feminina em posições de alto escalão. Daí o seu nome: Mulheres na Liderança.

O ELAS11 pode ser uma alternativa para quem adota os critérios de ESG (environmental, social and governance) com foco na diversidade de gênero na hora de escolher seus investimentos. Porém, antes de investir, é preciso conhecer melhor esse fundo.

A seguir, confira as principais informações sobre o ETF ELAS11!

O que é um ETF e como funciona?

ETF, ou exchange traded fund, é a expressão em inglês para fundo negociado em bolsa. Portanto, trata-se de uma modalidade de investimento de renda variável. Também conhecido como fundo de índice, ele tem como objetivo principal reproduzir o desempenho de um indicador do mercado.

Por consequência, a sua gestão é predominantemente passiva. Isso significa que a atuação do gestor é limitada, já que ele não precisa buscar ativamente por alternativas para incluí-las no fundo. O profissional deve investir nos mesmos ativos que compõem o índice escolhido.

Existem diversos indicadores no mercado que podem servir de referência para um ETF. É o caso, por exemplo, do Ibovespa ou IBOV. Ele é o índice que mede o desempenho das ações mais negociadas na B3, a bolsa de valores brasileira.

Assim, os fundos de índice espelhados no IBOV adquirem os mesmos papéis contidos no indicador, na mesma proporção. Dessa forma, os ETFs alcançam um resultado semelhante ao da carteira teórica do Ibovespa, antes da incidência de taxas e impostos.

O que é o ELAS11?

Agora que você já sabe o que é um ETF e como funciona, é possível conhecer o ELAS11. Esse é o ticker de um fundo de índice cujo nome é Mulheres na Liderança. Ele busca replicar o mesmo desempenho do Índice Teva ESG Mulheres na Liderança, criado e administrado pela Teva Índices.

A partir dessa modalidade de investimento, você tem a oportunidade de investir em ações de empresas brasileiras que contam com a presença feminina em cargos de liderança. Para a criação do índice, são analisadas mais de 150.000 posições nas companhias, como conselhos fiscais e diretoria executiva.

Quais as principais características do ETF ELAS11?

Como você viu, o ELAS11 é o código de identificação de um fundo de índice composto por empresas que tem maior participação das mulheres na liderança. De acordo com informações da Safra, esse ETF era formado por 72 companhias em março de 2022 — data de seu lançamento.

Entre elas, destacavam-se:

  • Itaúsa — ITSA4;
  • Localiza — RENT3;
  • Cosan SA — CSAN3;
  • Ambev SA — ABEV3;
  • Raia Drogasil — RADL3;
  • Equatorial Energia — EQTL3;
  • Banco do Brasil SA — BBAS3;
  • Brasil Bolsa Balcão (B3) — B3SA3;
  • Petróleo Brasileiro SA — PETR4 e PETR3.

Em relação à gestão e administração do fundo, a Safra Asset Management é a sua gestora e a Safra Serviços de Administração Fiduciária é a administradora. Para remunerar a equipe do fundo, é cobrada dos cotistas uma taxa de administração.

DESCUBRA COMO INVESTIR COMO UM PROFISSIONAL Investir como um profissional

DESCUBRA COMO INVESTIR COMO UM PROFISSIONAL Investir como um profissional

Saiba tudo sobre ETFS - a forma de sostificar os seus investimentos

Além disso, é válido saber que em todo ETF há a cobrança de Imposto de Renda sobre os ganhos de capital. Quando ele é de renda variável — como o ELAS11 —, a alíquota de IR é de 15% sobre os lucros auferidos em operações comuns e 20% em operações de day trade (realizadas no mesmo dia).

Quais as vantagens e riscos de investir no ELAS11?

Depois de conhecer os principais detalhes sobre o ELAS11, é o momento de saber quais são as vantagens e os riscos de investir nesse ETF. Desse modo, você pode começar a entender se a alternativa é interessante para a sua carteira de investimentos.

Um dos pontos positivos do ETF ELAS11 é a possibilidade de diversificação, de maneira simples. Com um único aporte, o investimento nesse fundo de índice permite se expor a diferentes empresas de setores distintos. Assim, é possível reduzir o risco do portfólio e aumentar o potencial de ganhos.

Outra vantagem do investimento em um fundo de índice de ações é a facilidade para entrar no mercado de renda variável. Com ele, você tem a oportunidade de se expor ao portfólio gerenciado por um gestor profissional.

O possível retorno de um ETF é outro ponto positivo do investimento em ELAS11. Por ser um ETF de um índice de ações, existe a possibilidade de lucrar mais que as alternativas da renda fixa, por exemplo.

Contudo, apesar das vantagens, também há riscos envolvidos no investimento em ETFs. Logo, eles devem ser considerados na sua tomada de decisão. Dessa forma, é possível avaliar sua tolerância ao risco para fazer escolhas mais conscientes.

Tenha atenção, por exemplo, ao risco de mercado. ETFs compostos por papéis de empresas podem ser afetados por fatores econômicos ou políticos. Afinal, as mudanças refletem no preço das cotas do ELAS11, valorizando-as ou não.

Há também o risco de liquidez. Nos fundos de índice, ela está relacionada ao tempo necessário para vender as cotas. Como a venda depende de encontrar investidores interessados no veículo, certos ETFs podem ter liquidez menor.

Vale a pena investir no ELAS11?

Após conhecer as vantagens e os riscos de investir no ELAS11, você tem mais elementos para saber se ele é uma opção interessante para a sua carteira. Porém, antes de decidir, é importante entender se essa alternativa é adequada para sua estratégia.

Para tanto, é preciso considerar o seu perfil de investidor. Como o ELAS11 é um investimento de renda variável, ele costuma ser mais indicado para quem possui perfil moderado e arrojado. Afinal, é preciso ter tolerância maior aos riscos característicos dos ativos que compõem esse ETF.

Ainda, é fundamental analisar os seus objetivos financeiros. Nesse sentido, os ETFs — de modo geral — tendem a ser mais apropriados para os planos de longo prazo. Dessa forma, é possível mitigar os riscos envolvidos nessa modalidade.

Depois de conhecer o ELAS11 e as vantagens de investir nesse ETF, você tem mais dados para avaliar se essa modalidade de investimento faz sentido para a sua carteira. Lembre-se sempre de considerar seu perfil de investidor e objetivos para fazer uma boa escolha.

Ficou com alguma dúvida sobre o ETF ELAS11? Entre em contato conosco da Renova Invest e converse com um de nossos assessores!