Certificação Ancord tudo o que você precisa saber para ser um AAI

Certificação Ancord: tudo o que você precisa saber para ser um AAI

O Agente Autônomo de Investimentos (AAI) é um profissional fundamental para o mercado financeiro. Ele atua com a finalidade de auxiliar o investidor no entendimento de investimentos, principalmente em relação a riscos. Para exercer a profissão é preciso ter a certificação Ancord.

Significa que é necessário realizar uma prova e ser aprovado no exame, demonstrando o conhecimento de diversos assuntos relacionados ao mercado. Aplicado pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), esse teste tem regras e requisitos próprios.

Neste conteúdo você entenderá o que é a Certificação Ancord, como ela funciona e quais são as regras da prova. Ainda, aprenderá o que faz um AAI. Acompanhe a seguir!

O que é a Certificação Ancord?

Ancord é a sigla para Associação Nacional das Corretoras e Distribuidoras de Títulos e Valores Mobiliários. Ela é uma entidade de classe, representante de corretoras, distribuidoras de aplicações financeiras e de AAIs.

Ela tem autorização da Comissão de Valores Mobiliários (CVM) para certificar os AAIs por meio de um exame. Desde 2002, a entidade já certificou mais de 13.000 profissionais, que atuam em todo o país.

A prova visa analisar se o candidato tem a qualificação técnica para o exercício das atividades de assessor de investimentos. Ela é obrigatória para os empregados de instituições financeiras que tenham atividades de distribuição de títulos e valores mobiliários.

A obrigatoriedade é disposta pela própria CVM, na Instrução n.º 497 de 2011. A certificação é relevante para qualificar os assessores. Isso acontece porque eles têm um papel muito importante na decisão de investimentos ao oferecer informações de qualidade ao cliente.

Como ela funciona?

Como você viu, a certificação é realizada por meio de uma prova. Todo o programa é organizado pela Ancord, mas os exames são aplicados pela FGV. Essa banca aplica diversas provas no Brasil, dentre elas o exame de ordem para a inscrição de advogados.

Mas ainda é a Ancord que se responsabilidade pelo conteúdo programático, ou seja, pelas matérias cobradas na prova de AAI. O conteúdo é previamente aprovado pela CVM. Assim, o órgão garante que o conhecimento fundamental para o trabalho seja realmente testado.

A FGV tem a atribuição de montar as questões, aplicar o exame, fazer a correção e a divulgação dos resultados. Então todo o procedimento para realizar a prova depende da instituição, inclusive em relação ao agendamento.

Quem é aprovado no exame deve fazer o credenciamento e solicitação do certificado junto à Ancord. Como vimos, ele é obrigatório para quem quer exercer a profissão de Agente Autônomo de Investimentos.

Para isso, deve-se, ainda, aderir ao Código de Conduta Profissional dos AAIs. Também é necessário fazer a adesão ao Código de Autorregulação da Ancord e ao Programa de Educação Continuada.

Tudo isso possibilita a vinculação do AAI às instituições contratantes do mercado de capitais. Assim, ele pode começar a exercer a atividade como preposto dessas instituições, cumprindo a Instrução 497 da CVM.

Como funciona a prova para a certificação?

A prova para conseguir a Certificação Ancord é eletrônica e realizada em todo o território nacional. Contudo, isso depende da disponibilidade dos locais homologados pela FGV.

O exame é composto de uma prova de conhecimentos específicos. Ela tem 80 questões objetivas, com alternativas de resposta de múltipla escolha. Cada questão tem 4 alternativas e apenas uma delas está correta.

Para cada matéria cobrada é divulgada uma porcentagem da prova que aquele assunto representa. Logo, é essencial ler o regulamento para ver como é feita a divisão de questões. Isso ajuda na preparação e facilita a resolução da prova.

O conteúdo, como você viu, é divulgado pela Ancord. A divulgação se dá pelo regulamento oficial do certame, que pode ser acessado pelo site oficial. A prova tem duração de duas horas e meia e não será disponibilizado nenhum tempo adicional para terminar.

Inscrições

Existem algumas condições para que o candidato possa realizar a inscrição. A primeira delas é não haver condenação em seu nome em crime:

  • falimentar;
  • prevaricação;
  • suborno;
  • concussão;
  • peculato;
  • lavagem de dinheiro;
  • contra a economia popular;
  • contra a ordem econômica;
  • contra as relações de consumo;
  • contra a fé pública;
  • contra o sistema financeiro nacional.

Além disso, o candidato não pode ter uma pena criminal que o impeça de ter acesso a cargos públicos.

As inscrições para a prova são feitas de forma contínua. Todas elas são realizadas pela internet no site da Ancord. Depois de feita a inscrição, é preciso comprovar o pagamento.

A cobrança é feita por boleto bancário, que deve ser emitido em até 10 dias pelo candidato. O pagamento é recebido em qualquer banco e tem o prazo de vencimento de 10 dias.

O que faz um Agente Autônomo de Investimentos?

O AAI também é conhecido como assessor de investimentos e, como vimos, deve ter certificação da Ancord e a habilitação na CVM. Sua responsabilidade diz respeito a orientar investidores sobre as opções de investimentos no mercado.

Deve ficar claro para você que ele não tem a incumbência de sugerir ou indicar aportes para o cliente. Ele tem uma atuação mais voltada a auxiliar e tirar dúvidas. Logo, ajuda os clientes a entenderem como funciona cada ativo para que possam tomar sua própria decisão.

Dessa maneira, o investidor conseguirá compreender todos os riscos relacionados a cada tipo de investimento. Além disso, questões como prazo de vencimento, liquidez e rentabilidade também são esclarecidas.

Como você já viu, a CVM possui a Instrução 497 voltada ao AAI. Ela dispõe que esse profissional também pode prospectar e captar clientes. Outra atividade relacionada ao assessor é a recepção e registro de ordens e transmissão para os sistemas de negociação – com a devida anuência do investidor.

É possível exercer a atividade de duas formas. A primeira é sendo contratado por uma instituição do sistema de distribuição de valores mobiliários. A segunda diz respeito à atuação através de sociedade ou firma individual, desde que seja constituída exclusivamente para esse fim.

Agora você já conhece melhor o papel da certificação Ancord e o trabalho do AAI. Essa é uma profissão cada vez mais em alta no mercado, podendo trazer grandes oportunidades. Se você deseja seguir a carreira, é fundamental buscar a qualificação necessária!

Pensa em trabalhar no mercado financeiro como um Agente Autônomo de Investimentos? Então entre em contato conosco!

(Visited 42 times, 1 visits today)

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Deixe uma resposta


Mais Lidos

Postagens Relacionadas

Categorias

Utilizamos cookies que melhoram a sua experiência em nosso site. Todos seguem as regras da nossa Politica de Privacidade. Clicando em "OK" você concorda com a nossa política.