Busca de Artigos no blog

O que é top down e como funciona esse conceito?

O que é top down e como funciona esse conceito nos investimentos
O que é top down e como funciona esse conceito nos investimentos

Se você planeja montar uma carteira de ações para o longo prazo, é importante conhecer conceitos da análise fundamentalista. Isso porque ser acionista de uma companhia envolve confiar em seus fundamentos e resultados. Essa base de confiança pode iniciar com uma abordagem top down.

Em linhas gerais o método de análise top down permite que o investidor entenda desde o cenário global até o contexto mais específico no qual uma empresa se insere. Com isso, será possível se a companhia analisada atende ao seu perfil e aos seus objetivos como investidor.

Quer saber o que é top down e como funciona esse conceito nos investimentos? Então aproveite este conteúdo e melhore sua percepção sobre as companhias e suas ações na hora da tomada de decisão de investimento.

Vamos lá?

O que é a estratégia top down?

O termo top down em tradução livre fica próximo à “de cima para baixo”. Nesse sentido, o modelo top down começa olhando para os fatores macroeconômicos (mais amplo) até alcançar os mais específicos (microeconômicos) — aquilo que pode impactar nas operações de uma empresa.

Nessa abordagem não são considerados os movimentos do mercado em pequenos períodos de tempo ou as flutuações de preço das ações no curto prazo. Ao contrário, a maior importância é dada à análise do histórico de evolução da empresa e às suas perspectivas futuras.

É importante entender que a metodologia top down não se embasa em menosprezar fatores que não são econômicos. Também podem ser analisados outros elementos que o investidor considere relevantes para a decisão.

Qual a relação desse conceito com a análise fundamentalista?

A análise fundamentalista é um método de análise que agrega uma série de fatores quantitativos e qualitativos para que se possa analisar o investimento em uma ação. Portanto, são levados em conta os fundamentos de um negócio para conhecer sua situação e potencial.

Duas estratégias para fazer essa análise se dão com o uso dos modelos top down e bottom up. A principal diferença entre eles é a trajetória da análise, já que o top down, como visto, inicia pelos fatores mais amplos e vai para os mais específicos, enquanto no bottom up acontece o contrário.

Ambas as abordagens compartilham um objetivo em comum: identificar boas empresas para investir no longo prazo. Então você como investidor deverá conhecer cada uma delas para encontrar a que mais se adequa à forma com que escolhe investimentos.

Como a estratégia top down funciona?

Considerando que a abordagem top down vai do mais amplo para o mais específico, o ponto de partida da análise será o cenário econômico, para posterior análise setorial e, por fim, a análise da empresa.

Saiba mais!

Análise econômica

O uso de metodologias como a top down na análise econômica observa a economia como um todo. A depender dos mercados em que a companhia participa, a análise dos fatores econômicos pode ficar restrita a um país, uma região ou ao mundo todo.

Seguindo o método de cima para baixo, deve ser analisado primeiro o cenário global, depois o regional, posteriormente o do país e assim por diante. Então são conferidos indicadores econômicos, como a inflação, o Produto Interno Bruto (PIB), a taxa de desemprego, o câmbio, entre outros.

Perceba, por exemplo, que em um cenário de alta do dólar, empresas que possuem seu endividamento atrelado à moeda norte-americana tendem a ter um desempenho prejudicado. Enquanto isso, companhias exportadoras de produtos podem aumentar seu faturamento.

Análise setorial

Após ter o cenário macroeconômico bem definido, o investidor já terá a perspectiva se a economia vai acelerar ou desacelerar. Assim, ele poderá deduzir quais serão os setores mais beneficiados com o atual contexto econômico e suas projeções para o futuro.

Por exemplo, em um cenário com previsões de alta de juros, empresas do setor de consumo não cíclico podem ser afetadas. Isso porque os consumidores tendem a economizar e a comprar apenas o essencial. Já o setor financeiro pode ser beneficiado, uma vez que o crédito fica mais caro.

Identificando os setores mais promissores, você poderá descartar as ações das companhias que não estiverem inseridas neles, economizando seu tempo na análise. Ao separar as empresas que atuam nos setores que se qualificaram, é possível passar ao próximo passo.

Análise da empresa

Ao chegar nesse passo, você já reunirá diversas informações capazes de ajudar na escolha de uma empresa para investir. Contudo, ainda é preciso comparar o desempenho e a robustez de cada companhia inserida no setor que se tem a expectativa de ser promissor.

Nessa fase, é possível utilizar outras ferramentas da análise fundamentalista. Por exemplo, o valuation, projeções, endividamento, modelos de negócios, a gestão e organização, equipes de trabalho, todos os processos de produção e comercialização, satisfação do cliente e muitos outros.

Com isso, você poderá escolher a companhia com maior solidez e melhor desempenho em seu setor. É preciso ficar atento para uma análise completa, pois investir em uma empresa que tenha expectativas de crescimento, mas que está muito endividada pode ser mais arriscado.

Qual a importância de conhecer essa metodologia?

Como você pode ver, conhecer a metodologia de análise top down pode ser importante para escolher as melhores companhias e ações para investir no longo prazo. Muitos investidores não adotam essa abordagem e acabam se expondo a riscos que poderiam ser evitados.

Quem investe em renda variável sabe que os riscos dessa classe de investimentos são altos. Mas não significa que não existam meios para reduzi-los. A abordagem top down é uma das formas que podem contribuir para esse objetivo.

Agora que você já sabe como a estratégia de análise top down funciona, pretende utilizá-la para os seus próximos investimentos? Não se esqueça de usá-la em conjunto com outros indicadores fundamentalistas, para aumentar sua capacidade analítica e facilitar a tomada de decisão.

Quer aumentar seus conhecimentos sobre o mercado acionário? Então aproveite para acompanhar também o nosso conteúdo sobre como analisar os fundamentos das ações!

Veja também:

Inscreva-se
Notificar-me de
Esse campo só será visível pela administração do site
botão de concordância
0 Comentários
Feedbacks
Visualizar todos os comentários

Utilizamos cookies que melhoram a sua experiência em nosso site. Todos seguem a nossa Politica de Privacidade. Clicando em "OK" você concorda com a nossa política.