Renova Invest Facebook

Exercício de opções: o que é e como funciona?

Exercício de opções
Exercício de opções

A bolsa de valores é bastante conhecida pela negociação de ações no mercado à vista. Mas esse não é o único ambiente disponível. O mercado de opções também pode revelar boas oportunidades. Porém, é preciso conhecer o que é e como funciona o exercício das opções para operá-las.

Por se tratar de um contrato com vencimento futuro, é fundamental que o investidor saiba o que fazer quando a data chegar. Além disso, a depender das condições do mercado, o investidor poderá se deparar com situações diferentes, que exigem atenção para tomar decisões mais acertadas.

Se você quer aprender melhor o funcionamento das opções e como se dá seu exercício, continue a leitura. Neste você, você aprenderá mais sobre o tema.

Está pronto?

O que são opções?

Antes de se aprofundar na análise do exercício das opções, é importante conhecer o conceito desses derivativos financeiros.

As opções são contratos em que se negocia o direito sobre um ativo-objeto em uma data futura. Logo, elas são consideradas derivativos financeiros por estarem vinculadas a um ativo principal — podendo ser ações, units, cotas de ETF (fundos de índice), entre outros.

Na prática, as opções garantem ao investidor o direito de comprar ou vender ativos financeiros em data posterior, por um preço definido (strike). Para tanto, ele precisa pagar uma espécie de sinal, também conhecido como prêmio.

Além disso, as opções de compra são chamadas de “call”, enquanto as opções de venda são conhecidas como “put”. Nesse contrato, o comprador é conhecido como titular ou tomador. Por outro lado, o vendedor é nomeado como lançador.

Desse modo, o titular adquire o direito de compra ou venda sobre o objeto negociado. O lançador, por sua vez, se obriga a fornecê-lo ao tomador (em uma call) ou a comprar do titular (em uma put).

O que é o exercício de opções?

Como você viu, o contrato de opções visa uma data futura. Logo, até a data combinada (vencimento), o titular da opção terá que tomar a decisão de exercer o seu direito ou não.

Assim, o termo “exercício de opções” representa justamente a possibilidade daquele que adquiriu os derivativos exercer o seu direito. Perceba que se fala em possibilidade, já que o titular da opção não é obrigado a exercê-las caso isso não seja vantajoso, por exemplo.

Para compreender melhor, suponha que um investidor adquiriu opções de compra (call) de ações de uma empresa ao preço de R$ 20 (preço-strike), com vencimento em 15 dias. Porém, na data de vencimento, o papel estava cotado a R$ 18 no mercado à vista. Diante desse cenário, ele pode abdicar do exercício, já que perderia dinheiro ao exercê-lo.


INVISTA EM AÇÕES COM A PLANILHA DE ANÁLISE FUNDAMENTALISTA Invista em ações


Agora, se nesse mesmo cenário, a ação estiver cotada no mercado a R$ 22, provavelmente ele exercerá o direito de comprá-la a R$ 20. Já o lançador da opção terá a obrigação de fornecer o ativo ao titular pelo preço combinado.

Como funciona o exercício de opções?

Ao falar sobre opções, é importante destacar que a data de vencimento é padronizada pela B3 (a bolsa de valores brasileira). Em regra, elas terão o vencimento na terceira sexta-feira do mês, podendo ser negociadas até essa data. Caso não haja pregão no dia, o vencimento acontece no dia útil anterior.

Ademais, nas opções, cada mês de vencimento leva um código, diferenciado para calls e puts em seu ticker. Veja como funciona:

Call (compra) Put (venda)
Janeiro — A Janeiro — M
Fevereiro — B Fevereiro — N
Março — C Março — O
Abril — D Abril — P
Maio — E Maio — Q
Junho — F Junho — R
Julho — G Julho — S
Agosto — H Agosto — T
Setembro — I Setembro — U
Outubro — J Outubro — V
Novembro — K Novembro — W
Dezembro — L Dezembro — X

 

Também é importante saber que tanto a opção de compra quanto a de venda são divididas em duas modalidades: americanas e europeias. Confira as diferenças:

  • opções americanas: são aquelas em que o exercício do direito de compra ou venda pode ser solicitado a qualquer momento, desde que ela não esteja vencida;
  • opções europeias: nesse tipo de opção, o exercício somente poderá ser requerido na data de vencimento (prazo final do contrato).

Qual o horário do exercício de opções?

Após ter conhecido mais sobre as datas relacionadas às opções, vale a pena conferir o horário de exercício desses derivativos.

A bolsa de valores permite o exercício de opções a partir das 10:00 (horário de abertura do mercado à vista). Já em relação ao horário final para fazê-lo, ele pode ser diferente de acordo com o vencimento da opção.

Caso se trate de uma opção americana e o investidor queira solicitar o exercício antes do vencimento, o horário final será às 17:00 do dia. Por outro lado, no dia do vencimento da opção (seja americana ou europeia), o prazo será mais curto — até as 15:00.

No entanto, se o titular da opção não realizar o exercício do seu direito, ele deixará de existir, livrando o lançador da obrigação. Ademais, dependendo do caso, mesmo quando não é solicitado o exercício, ele poderá acontecer automaticamente, como você verá a seguir.

O que é exercício automático de opções?

A partir de maio de 2021, a B3 mudou a forma de exercício das opções, visando acompanhar práticas adotadas em bolsas internacionais. Até então, o titular que não solicitasse o exercício até a data de vencimento da opção, perdia o direito de exercê-la.

Entretanto, depois da mudança, foi implementado um sistema de exercício automático de opções. Nele, basta que o exercício seja proveitoso ao titular que, automaticamente, o negócio será realizado em sua data de vencimento.

Então, como você viu, o dono da opção tem até às 17:00 para solicitar o exercício manual dela. Na hipótese de a solicitação manual não ser realizada, a própria B3 encerrará a posição de modo automático — desde que o negócio seja benéfico ao titular.

Em uma opção, isso acontece quando a diferença entre o preço de fechamento do ativo-objeto (no mercado à vista) e o preço da opção for positiva. Entretanto, se o investidor não quiser que ela seja exercida automaticamente, terá das 18:30 às 19:00 para solicitar o contrary exercise (contra exercício).

Sabendo como funciona o exercício de opções, você estará mais preparado para investir ou especular esses derivativos financeiros. Contudo, se precisar de ajuda, vale a pena contar com uma assessoria de investimentos que forneça suporte completo na sua jornada como investidor.

Quer incluir as opções nas suas estratégias de investimentos? Entre em contato com a Renova Invest e conte com o suporte de nossos assessores!

 

Veja também

botão de concordância

0 Comentários
Feedbacks
Visualizar todos os comentários

Utilizamos cookies que melhoram a sua experiência em nosso site. Todos seguem as regras da nossa Politica de Privacidade. Clicando em "OK" você concorda com a nossa política.