Renova Invest Facebook

Como ser um investidor de sucesso? Confira 10 dicas!

Como ser um investidor de sucesso
Como ser um investidor de sucesso

O mercado de investimento oferece diferentes oportunidades de ganhos. Nesse sentido, entender como ser um investidor de sucesso é fundamental para que você consiga alcançar resultados positivos em seu portfólio.

Afinal, atingir os seus objetivos no mercado financeiro é uma tarefa que demanda dedicação, foco e paciência. Isso acontece porque existem diversas alternativas disponíveis e estratégias que podem ser utilizadas — sendo que cada uma possui características e vantagens próprias.

Quer saber como tomar melhores decisões ao investir? Então acompanhe a leitura deste artigo e conheça 10 dicas para se tornar um investidor de sucesso!

Qual é a importância de realizar investimentos?

Antes de conferir como ter sucesso no mercado financeiro, é preciso saber que realizar investimentos é uma estratégia relevante para ajudar no planejamento das suas finanças. Afinal, eles ajudam você a ficar mais próximo dos seus sonhos.

O principal motivo para isso está no fato de que investir é uma maneira de acumular patrimônio — especialmente no longo prazo. Desse modo, sua carteira de investimentos contribui para que você possa realizar seus objetivos e também ter um futuro mais tranquilo.

Ademais, realizar investimentos é uma maneira de aumentar o seu capital ao longo do tempo, mesmo que você comece aos poucos. Assim, embora muitos acreditem que o mercado de investimentos é restrito para aqueles com maior reserva de capital, tenha em mente que essa é uma concepção equivocada.

O que determina um investidor de sucesso?

Como você viu, realizar investimentos é importante para o seu patrimônio. Mas como ser um investidor de sucesso? Em primeiro lugar, vale saber que não é preciso alcançar resultados extraordinários, necessariamente.

Um investidor bem-sucedido é aquele que consegue atingir seus objetivos. Para isso, a educação financeira exerce um papel fundamental. É por meio dela que você pode ter uma relação melhor com o seu dinheiro e, consequentemente, tomar melhores decisões envolvendo seus recursos.

Além disso, a resiliência é outro aspecto presente em investidores bem-sucedidos. Isso significa que eles têm consciência de que estão expostos a determinados riscos e que é possível lidar com cenários negativos — a depender das escolhas feitas.

A racionalidade também é um elemento necessário para o sucesso nos investimentos. Afinal, é comum que as pessoas se deixem levar pelas emoções e façam movimentações equivocadas. Logo, ter paciência e fazer investimentos com base em estratégias específicas são aspectos essenciais, certo?

10 Dicas importantes sobre como ser um investidor de sucesso

Agora que você sabe por que vale a pena investir e que habilidades deve desenvolver para realizar os seus aportes, é preciso entender como se tornar um investidor de sucesso, na prática.

Para isso, existem 10 dicas fundamentais que podem auxiliar em sua jornada. Confira!

1.      Identifique o seu perfil de investidor

A primeira dica para ser um investidor de sucesso é conhecer o seu perfil. Esse ponto é o que determina a sua tolerância aos riscos no mercado financeiro. Logo, ele é indispensável para que você faça uma melhor seleção de alternativas para alocar o seu capital.

Existem três perfis principais:

  • conservador;
  • arrojado;

O investidor conservador é aquele que apresenta pouca ou nenhuma tolerância aos riscos em suas movimentações. Por isso, ele costuma realizar aplicações em alternativas seguras e previsíveis — mesmo que elas tenham menor potencial de retorno.

Já os investidores arrojados buscam as melhores rentabilidades para as suas movimentações. Desse modo, eles se caracterizam por apresentarem alta tolerância ao risco, fazendo investimentos em ativos financeiros com maior potencial de retorno, mas sem garantias de ganhos.

Como um meio termo, o investidor moderado se posiciona entre os dois, buscando equilíbrio entre risco e retorno. Ou seja, ele aloca uma parcela do seu capital em alternativas mais previsíveis, enquanto o restante está exposto a investimentos com maior risco.

2.      Faça um planejamento financeiro

O planejamento também é indispensável para um investidor de sucesso. Afinal, é preciso ter organização com o seu dinheiro para manter controle sobre as finanças e, como resultado, fazer movimentações mais acertadas no mercado financeiro.

Dessa maneira, a segunda dica é construir seu planejamento. Para realizar essa tarefa, uma planilha simples já pode ser suficiente. Nela, você usará uma aba ou coluna para indicar o capital que entra em suas contas, e outra para anotar os seus gastos.

Essa visão contribui para que você possa identificar hábitos financeiros — bem como substituí-los, caso necessário. Ademais, ela permite que você tenha um entendimento mais claro acerca de sua realidade financeira. Também é possível utilizar aplicativos de finanças focados nesse planejamento.

3.      Trace objetivos e prazos

Com o planejamento em mãos, você terá uma base mais sólida para traçar os seus objetivos financeiros. Eles representam tudo aquilo que você busca alcançar com suas movimentações no mercado de investimentos.

Junto dos objetivos, é preciso que você determine os prazos. De maneira mais comum, eles podem ser de:

  • curto prazo: devem ser alcançados em até um ano;
  • médio prazo: levam entre um e 5 anos para serem conquistados;
  • longo prazo: levarão mais de 5 anos para serem realizados.

Essa compreensão é imprescindível para que você identifique quais são as alternativas de investimentos mais alinhadas a cada meta. Os objetivos e prazos também são fundamentais para ter mais clareza no momento de definir uma estratégia ou analisar seus resultados.

4.      Crie uma reserva de emergência

A reserva de emergência é outro elemento presente na estratégia de um investidor de sucesso. Como o próprio nome sugere, ela representa um montante que dará suporte para você e sua família em momentos de crise ou de gastos que não estavam presentes no planejamento financeiro.

É possível contar com a reserva em casos de problemas de saúde ou perda de uma fonte de renda, por exemplo. Logo, ela é importante em seu planejamento porque minimiza as chances de você precisar fazer um resgate antecipado dos seus investimentos durante essas situações.

Nesse sentido, a reserva de emergência deve ser suficiente para cobrir, no mínimo, 6 meses dos seus custos de vida. O dinheiro referente a ela deve ser aplicado em uma alternativa de investimento segura e com alta liquidez para garantir a disponibilidade do montante diante de imprevistos.

5.      Conheça as alternativas de investimentos disponíveis

Se você quer ser um investidor de sucesso, é essencial conhecer o funcionamento do mercado financeiro antes de iniciar suas movimentações. Desse modo, é necessário compreender as características das classes de investimento: renda fixa e renda variável.

A renda fixa é aquela que apresenta alternativas mais seguras e previsíveis. Entre as oportunidades presentes estão os títulos públicos do Tesouro Direto, certificados de depósitos bancários (CDBs), letras de crédito imobiliário (LCI) e do agronegócio (LCA), debêntures e outras.

O funcionamento das aplicações de renda fixa lembra o de um empréstimo. Ou seja, o investidor disponibiliza seu capital para o emissor do título que, em troca, fará a devolução com acréscimo de juros em uma data futura e predeterminada.

Por sua vez, a renda variável é composta por investimentos com maior potencial de retorno, mas sem previsibilidade de ganhos. Com isso, os riscos são maiores. Ademais, diversas das alternativas dessa classe são negociadas nas bolsas de valores — no Brasil, a B3 é a única em operação.

6.      Diversifique sua carteira

Embora existam alternativas com maior segurança no mercado financeiro, todas elas apresentam riscos — mesmo as que estão presentes na renda fixa. Por isso, é essencial definir estratégias para se proteger deles.

Para isso, a dica é diversificar sua carteira de investimentos. Essa prática consiste em fazer aportes em diferentes alternativas presentes no mercado, com características e riscos variados. Assim, há chances de diluir os riscos do portfólio e ampliar o potencial de resultados.

7.      Tome decisões racionais

Como vimos, apesar de existirem alternativas seguras no mercado financeiro, não há como escolher um investimento totalmente isento de riscos. Desse modo, é indispensável que as suas movimentações no mercado sejam feitas com consciência acerca desse cenário.

Além disso, se você deseja fazer investimentos em renda variável, deve saber que as oscilações do mercado podem impactar seus resultados momentaneamente. Assim, tenha paciência e evite realizar movimentações com base em suas emoções — principalmente em períodos de baixa nos ativos.

8.      Considere fazer investimentos internacionais

O mercado internacional também reserva oportunidades para sua carteira de investimentos. Assim, para ser um investidor de sucesso, é interessante considerar as alternativas de outros países e entender como elas podem ser úteis para a sua estratégia.

Diversificar em investimentos internacionais pode equilibrar os riscos internos e aumentar o potencial de ganhos, por exemplo. Isso também ajuda a se proteger de variações cambiais em relação a moedas mais fortes.

E saiba que é possível fazer investimentos em outros países sem sair do Brasil. No mercado nacional existem alternativas que permitem essa exposição — como ETFs (fundos de índice), brazilian depositary receipts (BDRs) e fundos internacionais.

9.      Faça novos aportes regularmente

A próxima dica para ser um investidor de sucesso é fazer novos aportes de maneira regular. Essa é uma das práticas que mais colaboram para o acúmulo de capital no longo prazo — inclusive para quem iniciou seus investimentos com menor patrimônio.

Desse modo, você pode estipular uma quantia fixa em seu planejamento financeiro para fazer novos aportes mensalmente. Outra estratégia é definir uma porcentagem dos seus ganhos que será destinada para a carteira de investimentos.

10.  Acompanhe seus resultados

Por último, você deve acompanhar os seus resultados para aumentar suas chances de obter sucesso como investidor. Dessa maneira, é possível monitorar o mercado e saber se a sua estratégia atual está sendo suficiente para atingir seus objetivos financeiros.

Esse processo também é positivo para fazer rebalanceamentos de carteira. Para entender melhor, imagine que você determinou em sua estratégia que 60% dos seus investimentos serão em alternativas de renda fixa e o restante estará na renda variável, em ações.

No entanto, você percebe que suas ações apresentaram boas performances e agora seu portfólio está dividido em 50-50. Apesar de os resultados terem sido positivos, pode ser interessante fazer movimentações para voltar à porcentagem estipulada e realinhar a carteira ao seu perfil de risco.

Agora você já sabe que existem diversos elementos que devem ser considerados ao pensar em como ser um investidor de sucesso envolve diversos elementos. Assim, é importante conhecer e colocar essas 10 dicas em prática para aumentar as suas chances de fazer melhores investimentos no mercado financeiro.

Precisa de suporte para sua estratégia de investimentos? Fale com um de nossos assessores!

 

Veja também:

Inscreva-se
Notificar-me de
Esse campo só será visível pela administração do site
botão de concordância
0 Comentários
Feedbacks
Visualizar todos os comentários

Utilizamos cookies que melhoram a sua experiência em nosso site. Todos seguem a nossa Politica de Privacidade. Clicando em "OK" você concorda com a nossa política.