Todos os meses, o BTG Pactual elabora uma série de Carteiras Recomendadas, reunindo sugestões de ativos para o período, a partir das análises financeiras e econômicas de sua equipe especializada. Esta é a Carteira Recomendada de Dividendos do BTG Pactual para Novembro de 2021.

Visão Geral

A equipe de análise do BTG Pactual considera que o mercado financeiro viu uma queda no Ibovespa em outubro, completando quatro meses de baixa. O fluxo de capital estrangeiro está apresentando uma desconexão em relação ao desempenho do IBOV: enquanto índice despencou, o fluxo se mantém positivo.

Na economia, a equipe de análise destaca que o ambiente piorou. Segundo a Pesquisa Focus do BC, a inflação em 2021 deve chegar a 9% e a taxa Selic a 9,25%. Por outro lado, as projeções de crescimento do PIB para 2022 estão sendo reduzidas e podem cair abaixo de +1,0% nas próximas revisões.

Na política, o governo tenta abrir espaço no Orçamento de 2022 para o Auxílio Brasil por meio de alterações nas regras do teto anual de gastos. Se concretizadas, essas alterações devem elevar o déficit primário e a dívida bruta, o que deixa o mercado financeiro cauteloso.

Em relação à pandemia, a vacinação continua avançando, com a aplicação de cerca de 1,5 milhão de doses por dia. A média móvel de mortes por dia e o número de casos apresentam queda consistente, reforçando a percepção de que a imunização tem possibilitado controlar a Covid-19.

Para o mês de Novembro/2021, o BTG Pactual recomenda uma carteira com 5 ações pagadoras de dividendos, distribuída da seguinte maneira:

  • Copel (CPLE6) – 20%
  • ISA CTEEP (TRPL4) – 20%
  • Taesa (TAEE11) – 20%
  • Alupar (ALUP11) – 20%
  • Bradesco (BBDC4) – 20%

A carteira de dividendos é revista pela equipe de análise do banco trimestralmente. Em relação à carteira de Agosto/2020, houve 1 substituição: Vale (VALE3).

Características

Segundo os analistas do BTG Pactual, a Carteira Recomendada de Dividendos apresentou em Outubro desempenho com queda de -3,65%, contra -6,74% do IBOV e -4,23% do IDIV.

Considerando o período desde 8 de Novembro de 2019, a BTG DIV apresenta rentabilidade acumulada de +4,05%, contra -3,84% do IBOV e +1,20% do IDIV.

Veja o mapa de proventos das ações da carteira recomendada pelo BTG Pactual, de Novembro/2019 a Dezembro/2021:

carteira recomendada de dividendos

Copel (CPLE6)

De acordo com a equipe de análise do BTG Pactual, a Copel (CPLE6) é uma concessionária estatal atuante no Paraná, com cobertura de 98% do estado.

Investir em empresas estrangeiras não precisa ser difícil!

Baixe nosso e-book e saiba como ser sócio das gigantes internacionais: Amazon, Google, Apple, Facebook, entre outras!




A empresa atende principalmente clientes da categoria industrial, seguida pela categoria residencial. Atualmente, sua capacidade de geração de energia é suficiente para atender a demanda do varejo e, ainda, vender o excedente.

A política de dividendos da empresa prevê um payout de 65%, quando a alavancagem fica abaixo de 1,5x dívida líquida/EBITDA. No momento, tudo indica que a alavancagem realmente ficará abaixo desse patamar.

O BTG espera um dividend yield de 11,0% para a CPLE6 em 2021.

carteira recomendada de dividendos

ISA CTEEP (TRPL4)

De acordo com a equipe de análise do BTG Pactual, a ISA CTEEP (TRPL4) é a maior empresa privada de transmissão do setor elétrico no país. Ela atua em 17 estados e é responsável por cerca de 33% de toda a energia elétrica transmitida pelo Sistema Interligado Nacional – SIN.

Graças ao aumento de +9,75% nas receitas de um contrato, que foi aprovado pela ANEEL em Junho/2020, a empresa deve receber uma parcela adicional de R$ 892 milhões ao longo de um período de três anos, até 2023.

Esse substancial fluxo de caixa extra nos próximos anos foi impulsionado principalmente pela inclusão do custo de capital próprio como componente no valor associado à RBSE – Rede Básica Sistema Existente. Assim, o pagamento de dividendos deve seguir em patamar considerável.

O BTG espera um dividend yield de 6,6% para a TRPL4 em 2021.

carteira recomendada de dividendos

Taesa (TAEE11)

De acordo com a equipe de análise do BTG Pactual, a Taesa (TAEE11) é um dos maiores grupos privados atuando em transmissão de energia elétrica no país. Tem presença nas cinco regiões, com mais de 12,7 mil km de linhas de transmissão.

Ela vem demonstrando ser capaz de manter sua receita líquida estável, enquanto eleva sua margem líquida, que nos últimos cinco anos passou de 48% para 81%. A empresa também alcançou o maior EBITDA do setor de transmissão, mantendo uma margem EBITDA estável em torno de 80%.

Assim, os destaques da empresa são a disciplina financeira, com rígido controle de custos, excelente nota de crédito e alta diligência no processo de alocação de capital. A Taesa também apresenta forte eficiência operacional, o que possibilita solidez na geração de caixa.

O BTG espera um dividend yield de 11,6% para a TAEE11 em 2021.

carteira recomendada de dividendos

Alupar (ALUP11)

De acordo com a equipe de análise do BTG Pactual, a Alupar (ALUP11) é uma concessionária que, em 2017, tinha 687 MW de capacidade de geração.

Ela também atua na transmissão. Em 2017, sua receita anual permitida – RAP de transmissão foi de R$ 2,15 bilhões.

Nenhuma das concessões deve expirar antes de 2030. Dessa forma, há uma expectativa de estabilidade na geração de caixa por muitos anos.

Ela ainda conta com ativos em construção. No entanto, a maior parte deles deve começar a operar entre este ano e o próximo.

Em razão dessas novas operações, um aumento nos dividendos é esperado. Além disso, a empresa se destaca em gestão e alocação de capital.

O BTG espera um dividend yield de 4,8% para a ALUP11 em 2021.

carteira recomendada
Grafico 25: Dividend yiald – ALUP11 (%)

Bradesco (BBDC4)

De acordo com a equipe de análise do BTG Pactual, o Bradesco (BBDC4) ainda não apresentou guidance para 2022. No entanto, reunião com o chefe de RI, Carlos Firetti, indicou que a margem financeira pode crescer acima de 10%, com inadimplências e provisões sob controle.

No Bradesco Saúde, o nível de sinistralidade ainda não recuou. Mesmo assim, as ações são negociadas com desconto de aproximadamente 20% em relação à média histórica.

Em relação ao setor bancário de maneira geral, enquanto os investidores esperavam que se tornasse uma boa opção para defesa da carteira no atual cenário, o desempenho recente das ações tem estado abaixo do esperado. No entanto, a perspectiva para o setor ainda é construtiva e os papeis são negociados a níveis atraentes.

O BTG espera um dividend yield de 7,1% para o BBDC4 em 2021.

carteira recomendada
Grafico 22: Dividend yiald – BBDC4 (%)

 

Estes são os ativos da Carteira Recomendada de Dividendos do BTG Pactual para Novembro de 2021. Acompanhe os conteúdos da Renova Invest para ter acesso às carteiras recomendadas trimestrais para dividendos.

Disclaimer: As informações apresentadas neste artigo são provenientes de relatório preparado pelo Banco BTG Pactual S.A. Esse material tem caráter puramente informativo, e não configura recomendação ou sugestão de investimento.