Busca de Artigos no blog

Valor Presente Líquido: o que é e qual a importância?

Valor Presente Líquido
Valor Presente Líquido

Quando se pensa em novos investimentos, logo se pensa nos indicadores de rentabilidade e de risco. Com isso, pode contar com o cálculo do VPL – Valor Presente Líquido – que é um método que consiste em trazer para a data zero todos os fluxos de caixa de um projeto de investimento e somá-los ao valor do investimento inicial. 

Para isso, é utilizado a taxa de desconto, a Taxa Mínima de Atratividade (TMA) da empresa ou projeto. Esse é um dos métodos mais conhecidos para analisar projetos de investimento, sendo possível fazer os ajustes, além de descontar as taxas de juros para obter a noção do valor do dinheiro no longo prazo. 

O valor presente líquido leva em consideração a valorização do capital no futuro, calcula o ganho real do investimento e compara com o retorno esperado. Ou seja, traz ao valor presente um valor futuro, representando a diferença entre os recebimentos e os pagamentos de um projeto de investimento em valores monetários de hoje. 

Como calcular? 

Vamos para a parte que interessa: como funciona seu cálculo? Antes disso, veja o que a fórmula aborda: 

  • Definição do valor do investimento inicial;
  • Definição do período de análise;
  • Definição da estimativa de entrada de caixa para cada período;
  • Definição da taxa de desconto apropriada;
  • Entradas de caixa descontadas;
  • Soma das entradas de caixa descontadas e subtração do investimento inicial;
  • Definição da viabilidade do investimento.

O valor presente líquido de um fluxo de caixa é o valor monetário de todo o fluxo no tempo atual ou ao iniciar um investimento. Para isso, some as receitas líquidas futuras descontadas com o valor presente com uma taxa de desconto. 

Essa taxa de desconto nada mais é que uma relação com a taxa de lucratividade do projeto, ou seja, o retorno mínimo que se espera para um projeto ser aceito.

VPL fórmula: 

VPL = Valor Presente Líquido

FC = fluxo de caixa

t = momento em que o fluxo de caixa ocorreu

Renda fixa
Seta Tripla

Descubra agora a
NOVA RENDA FIXA
que pode turbinar seus ganhos. 


i = taxa de desconto (ou taxa mínima de atratividade)

n = período de tempo

Interpretando o resultado do cálculo de VPL

Há três interpretações principais: 

  1. VPL Negativo = despesas maiores que as receitas, sendo um projeto é inviável;
  2. VPL Positivo = receitas maiores que as despesas, sendo um projeto é viável;
  3. VPL Zero = receitas e despesas são iguais, sendo uma decisão neutra.

Depois disso, deve se perguntar se vale a pena o investimento? Já sabe que se o resultado for negativo, talvez não precise nem perder tempo defendendo a ideia.

Desvantagens do valor presente líquido

Uma das desvantagens é quando se comparam dois projetos de tamanhos diferentes, porque como a resposta é em valores monetários, a saída de VPL é determinada pelo tamanho da entrada. Ou seja, acaba ficando desproporcional.

Além disso, outra desvantagem do VPL é que sua precisão é de acordo com a informação dada. Portanto, os administradores devem saber exatamente a taxa de desconto, os valores do fluxo de caixa e quando o fluxo girará.  Mas como é difícil ter essas informações com precisão, pode ser que o resultado tenha uma margem de erro considerável.

O método VPL não consegue fornecer os ganhos e perdas de um projeto, pelo menos não sozinho. Para verificar a viabilidade de um investimento, é preciso utilizar outros indicadores para que a decisão seja mais assertiva, como a Taxa Interna de Retorno (TIR).

A importância do valor presente líquido (VPL)

Convém saber que, para investimentos, também há como usar o valor presente líquido (VPL). Ele traz todos os fluxos de caixa ao longo do tempo para o momento presente. Então, cada rentabilidade mensal é trazida por meio de um somatório.

No caso do VPL, a análise muda. Se ele for positivo, significa que o investimento deu resultados. Caso seja negativo, o indicativo é o contrário. Se ele for nulo, é sinal de que a alternativa não gerou ganhos nem perdas.


Com o VPL, você ainda consegue saber se uma possibilidade é mais vantajosa que um título público, que costuma oferecer menos riscos. Então, pode usar as fórmulas até mesmo para balancear os riscos na hora de diversificar a sua carteira de investimentos.

Qual é a importância do valor presente para investimentos?

Quem deseja aportar recursos em uma alternativa pode usar esse indicador de duas formas. A primeira você conhece: conhecer o quanto é preciso investir para alcançar um valor em determinado período. A outra está ligada a investimentos mais específicos, como o mercado de Ações.

Como o cálculo está relacionado ao valor de uma companhia, você pode usar a fórmula em sua análise fundamentalista. Assim, é possível entender quanto vale um negócio em relação à sua perspectiva futura.

A partir disso, será mais fácil definir se o investimento na ação faz sentido. Também é uma forma de avaliar se o preço dela está abaixo do que deveria ou se está mais caro que o desejável. Desse modo, há como encontrar o momento para investir, considerando os seus objetivos.

No caso da compra de um lote de Ações, você pode aplicar a fórmula no valor total aportado ou no custo de cada ativo. Assim, tem análises completas ou relativas. Além disso, o cálculo ajuda a tomar decisões melhores e definir se uma carteira recomendada é interessante, por exemplo.

Não perca tempo e aperfeiçoe seus conhecimentos sobre as marcas mais valiosas, se inscreva no nosso canal do YouTube para explorar as melhores oportunidades de investimentos no mercado.

Quer saber mais sobre o mercado e suas oportunidades? Entre em contato conosco da Renova Invest!

Veja também:

Inscreva-se
Notificar-me de
Esse campo só será visível pela administração do site
botão de concordância
0 Comentários
Feedbacks
Visualizar todos os comentários

Utilizamos cookies que melhoram a sua experiência em nosso site. Todos seguem a nossa Politica de Privacidade. Clicando em "OK" você concorda com a nossa política.