Renova Invest Facebook

Dividendo Yield (DY): O que é e como calcular?

Dividendo Yield (DY): O que é e como calcular?
Dividendo Yield (DY): O que é e como calcular?

O Dividend Yield (DY) é um indicador fundamental para investidores que desejam aproveitar os benefícios dos dividendos. Neste guia completo, vamos explorar o significado do Dividend Yield, como calculá-lo corretamente e sua importância na análise de investimentos.

O Que é Dividend Yield?

O Dividend Yield, traduzido para o português como “rendimento de dividendos”, é um indicador que mede o retorno gerado pelos dividendos distribuídos por uma empresa aos seus acionistas. Ele é calculado com base nos proventos pagos nos últimos 12 meses em relação às cotações atuais das ações.

Para investidores interessados em construir uma carteira focada em dividendos, o Dividend Yield é fundamental. Ele permite avaliar o valor dos dividendos pagos em um determinado período e ter uma ideia do que pode ser recebido nos próximos 12 meses. Também é possível comparar os dividendos pagos ao longo do ano anterior com o preço atual das ações.

Como Calcular o Dividend Yield?

O cálculo do Dividend Yield é relativamente simples. Para obter o valor do indicador, é necessário conhecer o valor total dos dividendos pagos nos últimos 12 meses e o preço atual das ações. Com essas informações em mãos, basta dividir um pelo outro e multiplicar o resultado por 100.

A fórmula do Dividend Yield é a seguinte:

Dividend Yield = (Dividendos pagos por ação / Cotação da ação) x 100

Vamos ilustrar o cálculo com um exemplo prático. Suponha que uma empresa tenha pago R$ 4,20 em dividendos por ação nos últimos 12 meses. O preço atual dessa mesma ação é de R$ 60,00. O cálculo seria o seguinte:

Dividend Yield = (4,20 / 60) x 100
Dividend Yield = 0,07 x 100
Dividend Yield = 7%

O resultado de 7% significa que cada ação dessa empresa teve um retorno de 7% em dividendos no período.

A Importância do Dividend Yield

O Dividend Yield desempenha um papel crucial na análise dos pagamentos de dividendos de empresas e fundos de investimento. Ele permite avaliar o desempenho desses proventos em relação ao valor da cota do ativo. Por isso, é uma ferramenta essencial para investidores que desejam construir uma carteira de investimentos com foco em renda passiva.

Ao utilizar o Dividend Yield, os investidores podem ter uma visão mais clara dos retornos obtidos em seus investimentos, auxiliando na tomada de decisões mais assertivas. Além disso, o indicador ajuda a identificar quais investimentos têm o potencial de pagar mais rendimentos, mesmo aportando uma quantidade menor de recursos.

No entanto, é importante ressaltar que o Dividend Yield não deve ser utilizado isoladamente na análise de investimentos. É necessário considerar outros indicadores, como a rentabilidade da empresa e suas margens. Além disso, é fundamental entender a procedência dos dividendos para saber se o pagamento é rotineiro ou se advém de fatores pontuais.

Renda fixa
Seta Tripla

Descubra agora a
NOVA RENDA FIXA
que pode turbinar seus ganhos. 


Tipos de Dividendos

Ao falarmos sobre dividendos, é importante destacar que eles podem ser divididos em duas categorias: dividendos ordinários e dividendos extraordinários.

Os dividendos ordinários são repartidos com base no lucro da empresa durante o ano fiscal anterior. Por exemplo, em 2022, os investidores recebem os dividendos referentes ao ano de 2021. Já os dividendos extraordinários são pagos quando ocorre algum evento excepcional, como a venda de uma filial ou a fusão de duas empresas.

Também é válido mencionar que existem outras formas de remuneração aos acionistas, como os Juros Sobre Capital Próprio (JCP) e as bonificações em ações.

Como Analisar o Dividend Yield?

Ao analisar o Dividend Yield de uma empresa, é importante considerar outros fatores além do valor do indicador. Um Dividend Yield alto ou baixo não está diretamente relacionado a uma ação interessante. Em alguns casos, um valor alto pode ser resultado de uma cotação baixa, com o preço depreciado. Por isso, é necessário analisar outros indicadores e métricas antes de tomar uma decisão de investimento.

Outra análise interessante é comparar o Dividend Yield com o rendimento do CDI. Isso permite verificar se vale a pena investir em uma determinada ação ou fundo imobiliário. Por exemplo, se o Dividend Yield for igual ou menor que o retorno do CDI, pode ser um indicativo de que não vale a pena correr o risco associado à renda variável.

Para encontrar os dados necessários para o cálculo do Dividend Yield, é preciso acessar a área de Relação com os Investidores no site da empresa em que se deseja investir. Nesse local, estão disponíveis informações sobre a divisão de dividendos e os lucros obtidos nos últimos 12 meses.

Como escolher um ativo para investir?

O dividend yield é um dos vários indicadores que fazem parte da análise fundamentalista. Será que vale a pena tomar decisões baseadas apenas nele? Na verdade, não devemos considerar um fundamento de maneira isolada, pois essa decisão poderia levar a uma análise equivocada.

Imagine uma empresa com alto DY no momento, mas que não apresenta indicativos de saúde financeira para o longo prazo. O investimento seria interessante? Possivelmente você procura investir em uma empresa sólida, não é?

Então lembre-se de considerar outros indicadores fundamentalistas em conjunto para suas avaliações, como:

  • P/VPA — preço da Ação sobre o valor patrimonial da Ação;
  • ROE — Return on Equity, ou retorno sobre o patrimônio líquido;
  • ROICReturn on Invested Capital, ou retorno sobre o capital investido;
  • P/L — preço sobre lucro;
  • entre outros.

Como vimos, dividend yield (DY) é um indicador muito relevante. Afinal, ele pode ajudar o investidor a avaliar o potencial de lucratividade de um ativo em relação aos dividendos ao longo do tempo.


Mas existem outros indicadores igualmente importantes. Logo, é válido seguir seus estudos para entender cada vez melhor como fazer uma análise fundamentalista completa e investir com muito mais solidez na renda variável!

Considerações Finais

O Dividend Yield é um indicador valioso para investidores que buscam renda passiva por meio do recebimento de dividendos. Ele permite avaliar o desempenho dos pagamentos de dividendos de uma empresa e auxilia na tomada de decisões de investimentos mais informadas.

No entanto, é essencial considerar o Dividend Yield em conjunto com outros indicadores e métricas para uma análise mais completa. Além disso, é importante lembrar que o Dividend Yield não garante lucros futuros e deve ser utilizado como parte de uma estratégia de investimentos mais ampla.

Ao analisar o Dividend Yield, é fundamental buscar informações confiáveis e atualizadas sobre os pagamentos de dividendos, levando em consideração o contexto econômico e as perspectivas futuras da empresa. Com uma análise cuidadosa e embasada, é possível aproveitar os benefícios dos dividendos e construir uma carteira de investimentos sólida e rentável.

Aproveite para continuar se aprofundando no assunto. Confira nosso guia sobre como analisar os fundamentos das Ações!

Você conhecia esse mecanismo de segurança da bolsa de valores? Para conhecer mais sobre o mercado financeiro, acompanhe nossos conteúdos no YouTube, Instagram e LinkedIn!

Veja também:

Inscreva-se
Notificar-me de
Esse campo só será visível pela administração do site
botão de concordância
0 Comentários
Feedbacks
Visualizar todos os comentários

Utilizamos cookies que melhoram a sua experiência em nosso site. Todos seguem a nossa Politica de Privacidade. Clicando em "OK" você concorda com a nossa política.