Buy and hold: vale a pena apostar nesta estratégia?
Buy and hold: vale a pena apostar nesta estratégia?

Buy and hold: vale a pena apostar nesta estratégia?

  • Post author:
  • Post category:blog

Uma das maneiras de investir na bolsa de valores é comprando ações para o longo prazo. O objetivo é manter os papéis na carteira e lucrar com proventos e com a valorização deles no futuro. Essa é a ideia do buy and hold.

Você já ouviu falar nele? A estratégia foi utilizada por grandes investidores no passado e continua sendo a escolha de nomes importantes do mercado financeiro — como Warren Buffett. Então, vale a pena saber mais sobre ela, certo?

Confira as informações deste post e saiba como organizar seus investimentos de longo prazo com a utilização desta estratégia!

O que é o buy and hold?

O termo buy and hold, em português, significa algo como “comprar e manter”. Sua definição se diferencia das operações de curto prazo na bolsa — nas quais o objetivo não é manter os ativos, mas usá-los para lucrar no curto prazo.

Especuladores que realizam day trade ou swing trade, por exemplo, ficam expostos às oscilações da bolsa para aproveitar momentos vantajosos de comprar ou vender os ativos e obter ganhos com a diferença de preço.

Já no buy and hold o foco não está exatamente no preço da ação, mas nas expectativas de estabilidade e valorização dela no futuro. Ou seja, o desafio é encontrar boas empresas para se manter como acionista delas no longo prazo.

Assim, em vez de lucrar com as oscilações, o buy and holder tem os resultados da sua carteira relacionados ao sucesso dos negócios. Se as empresas crescem, aumentam os lucros e os negócios se valorizam – e ele, enquanto acionista, participa dos ganhos.

Contudo, manter as ações no longo prazo não significa nunca vendê-las. De modo geral, os investidores consideram a venda das ações em dois momentos. O primeiro é quando ela atinge a valorização desejada – ou quando o plano de longo prazo é concluído, e o segundo é quando a companhia perde qualidade.

Como o buy and hold funciona?

O funcionamento da estratégia de longo prazo em ações é bastante simples. Afinal, o investidor está mais envolvido em operações de compra. Assim, não precisa acompanhar o mercado constantemente e realizar vendas frequentes, como acontece no trade.

O buy and hold consiste, basicamente, em acessar o home broker do seu banco de investimentos e adquirir os papéis que desejar. Depois, eles passam a compor sua carteira e você deve continuar acompanhando os resultados da empresa para avaliar se ela se mantém adequada para seu perfil e objetivos.

É possível realizar investimentos frequentes, comprando as ações na medida em que você tem capital disponível ou deseja aumentar seu percentual acionário em uma companhia. Os dividendos que são recebidos na sua conta também podem ser usados para reinvestir.

Além do funcionamento prático dos investimentos em buy and hold, vale a pena falarmos sobre a análise de cada empresa. Antes de adquirir as ações é preciso decidir quais papéis comprar e por que escolhê-los.

Isso é feito, de modo geral, por meio da análise dos fundamentos das empresas. A ideia é avaliar a qualidade da companhia e conhecer o seu valor intrínseco. Então, é possível observar o preço do mercado e buscar por oportunidades (por exemplo, por empresas que sejam negociadas a preços mais baixos do que valem).

Perceba que o buy and hold não significa comprar apenas ações de baixo custo. É preciso saber o valor das empresas. Um dos desenvolvedores da estratégia foi o grande investidor Benjamin Graham — hoje seguida pelo megainvestidor Warren Buffett e tantos outros nomes do mercado.

Quais são as vantagens do buy and hold?

Depois de saber o que é o buy and hold e como ele funciona, confira algumas vantagens de utilizar a estratégia nos seus investimentos de longo prazo. E descubra por que ela vale a pena:

Riscos reduzidos

Um dos principais ensinamentos de Graham sobre o mercado financeiro é que, no curto prazo, ele tem comportamento instável. Mas, no longo prazo, é de se esperar uma valorização. Ou seja, apesar das oscilações em pouco tempo, a tendência é mais segura em muitos anos.

Por isso, o investimento em buy and hold permite reduzir os riscos. Para entender melhor, basta pensar em como o mercado sempre se recuperou e retomou o crescimento depois de crises econômicas.

Ou seja, no curto prazo elas podem acontecer e trazer quedas significativas na bolsa. Mas, no longo prazo (vários anos depois ou mesmo décadas), o esperado é que o crescimento econômico seja consistente. Logo, quem investe com tal foco enfrenta riscos mais ponderados.

Menos custos

Outro benefício de praticar o buy and hold é ter menos custos de transação ao operar na bolsa de valores. Um exemplo é a taxa de corretagem. Ela pode ser cobrada para cada operação. Logo, quem compra e vende ativos frequentemente tem custos mais altos.

Por outro lado, o investidor de longo prazo costuma realizar compras frequentes e vendas bem mais raras. Além da taxa de corretagem, também é possível economizar com outras cobranças da bolsa e com o Imposto de Renda – uma vez que a incidência de IR sobre operações de curtíssimo prazo, como day trade, é maior.

Aproveitamento dos ciclos do mercado

Engana-se quem pensa que os investidores só podem encontrar oportunidades quando a bolsa está subindo. Em momentos de queda é possível avaliar os ciclos do mercado e adquirir ações de boas empresas sendo negociadas com desconto.

Como o movimento de queda afeta também o preço das ações de companhias consistentes, o buy and holder pode identificar possibilidades interessantes e diminuir o seu preço médio de compra — potencializando os resultados da carteira no longo prazo.

Rentabilidade atrativa

Investir na bolsa visando o longo prazo faz com que você encontre rentabilidades atrativas pela ação dos juros compostos na economia real. Quanto mais a economia se desenvolve e as empresas crescem, mais proventos e valorização as ações oferecem.

Ainda que enfrentem momentos de baixa e até mesmo períodos críticos em alguns pontos do ciclo de mercado, no longo prazo os resultados se destacam. Principalmente para pessoas que reinvestem os proventos que recebem.

Como praticar o buy and hold?

Você se interessou por colocar em prática o buy and hold? Basta utilizar as informações que demos neste post para aproveitar as vantagens desta estratégia. Abra a sua conta no banco de investimentos BTG Pactual digital e utilize o home broker para adquirir as ações.

E não deixe de lado uma boa estratégia de análise fundamentalista para entender quais são os papéis interessantes para comprar. Continuar estudando o assunto é uma das melhores formas de impulsionar cada vez mais seus resultados!

Lembre-se também de fazer compras regulares e diversificar os ativos da sua carteira – o que tornará a estratégia de buy and hold muito mais segura e vantajosa para você!

Tem perfil arrojado e quer conhecer alternativas para diversificar sua carteira? Veja 5 investimentos que podem ser adequados para você!

Deixe uma resposta