Um dos principais setores econômicos no Brasil é o da construção civil. Apesar de central para a economia nacional, ele tem certa volatilidade, apresentando diversas flutuações de custos ao longo do tempo. Por isso, é interessante saber o que é o INCC.

O Índice Nacional de Custo da Construção existe exatamente para analisar as variações de preços envolvendo mão de obra, equipamentos e materiais no setor. Assim, conhecê-lo ajuda a compreender a dinâmica econômica nacional e entender impactos nos investimentos.

Quer saber melhor como funciona esse índice e de que forma ele pode afetar sua realidade? Então acompanhe a leitura deste texto!

O que é INCC?

Como você viu, o INCC é um índice que mede o custo da construção civil brasileira. Ele é elaborado pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), uma das principais instituições de ensino e pesquisa do país. A função é indicar a evolução dos custos das construções habitacionais ainda não finalizadas.

A primeira vez que esse índice foi divulgado foi em 1950. Na época, seu nome era Índice de Custos de Construção (ICC). Inicialmente, ele cobria apenas a cidade do Rio de Janeiro, capital federal naquele ano.

Posteriormente passou a acompanhar cidades como:

  • São Paulo;
  • Belo Horizonte;
  • Salvador;
  • Recife;
  • Porto Alegre;
  • Brasília.

Para atingir o objetivo do índice, a FGV analisa mensalmente as mudanças de preços do setor de construção nessas capitais, fazendo a correção. Assim, ele pode ser útil em diversos contextos — como no reajuste das parcelas de financiamento, atualizando os gastos reais da construção.

Quais as modalidades do INCC?

Depois de compreender o que é o INCC, é importante levar em consideração suas diferentes modalidades. Confira a seguir quais são elas:

INCC-DI

O INCC-DI é o Índice Nacional de Custo de Construção – Disponibilidade Interna. Essa modalidade do índice analisa a variação dos custos da construção civil do primeiro ao último dia do mês de referência.

INCC-10

Já o Índice Nacional de Custos de Construção – 10 (INCC-10) tem seu cálculo feito a partir da análise da variação de preços da construção civil ocorrida entre o dia onze do mês anterior ao dia dez do mês de referência.

INCC-M

Por último, o INCC-M (Índice Nacional de Custo de Construção – Mercado) tem como objetivo compreender a evolução dos custos do setor de construção civil entre o dia 21 do mês anterior e o dia 20 do mês de referência.

Embora sejam calculadas separadamente, cada uma dessas modalidades contribui para uma compreensão mais apurada do funcionamento do setor de construção no país.

INVESTIR FORA DO BRASIL? DESCUBRA COMO

INVESTIR FORA DO BRASIL? DESCUBRA COMO

Aprenda a como investir no exterior de forma prática

Como calcular o INCC?

Agora que você entendeu o que significa o INCC, qual sua função e as diferentes modalidades que fazem parte desse índice, é necessário saber como é feito o cálculo do indicador. A metodologia é uma média ponderada dos custos da construção nas capitais citadas.

Em geral, são coletadas informações referentes a materiais, mão de obra, equipamentos e demais elementos centrais para o setor. Uma vez que a captação de dados ocorre, os valores são divididos em três diferentes grupos, sendo eles:

  • custos estruturais;
  • custos de instalações;
  • custos de acabamentos.

Cada um desses grupos apresenta um determinado peso no índice. Ao final de todos os meses, tem-se a média ponderada. Ou seja, multiplica-se o valor do conjunto de dados pelo seu peso, somam-se esses valores e o resultado é dividido pela soma dos pesos.

Para encontrar o INCC acumulado é feita a somatória de todos os INCC mensais.

Qual a importância do índice?

Até aqui, foi possível compreender as principais informações de conceituação e composição do INCC. Contudo, também é necessário analisar qual a importância desse índice para a economia e nos investimentos.

Entenda a seguir!

Na economia

O principal impacto econômico do INCC ocorre no setor imobiliário. Como você viu, ele é o indicador base para os reajustes dos contratos desse segmento. Isso significa que o índice terá influência direta no valor dos financiamentos e consórcios, por exemplo.

Além disso, o INCC-M responde por 10% do Índice Geral de Preços do Mercado (IGP-M). Por isso, ele tem um grande peso no índice de inflação, ou seja, no aumento dos custos gerais no país.

Na renda fixa

Uma vez que o índice impacta a inflação geral do Brasil, ele também acaba atingindo uma série de investimentos. A inflação alta pode causar um desequilíbrio econômico, aumentando a taxa básica de juros (Selic), por exemplo.

Como diversos investimentos de renda fixa estão atrelados à Selic, levar em consideração a influência do INCC permite avaliar as oportunidades.

Na bolsa de valores

Além de impactar a renda fixa, o INCC também afeta a bolsa de valores. Essa influência ocorre principalmente para quem investe no setor imobiliário, pois as alterações no índice atingem diretamente a rentabilidade de projetos de incorporação ou construção.

Dessa forma, quem investe em ações de empresas da construção civil pode acompanhar o INCC para analisar melhor suas estratégias de investimento.

Nos fundos imobiliários

Com relação aos fundos imobiliários (FII), o impacto do INCC ocorre de maneira indireta, pois muitos FIIs investem em ativos prontos e mais maduros. Contudo, por influenciar a inflação, o índice afeta o valor de contratos de aluguel e locação, impactando nos rendimentos dos fundos imobiliários.

Além disso, existem fundos imobiliários que têm como estratégia a construção de imóveis para venda. Nesses casos, o impacto do INCC no FII pode ser mais direto.

Por que acompanhar o INCC?

Ao compreender as principais informações sobre o INCC é possível perceber a importância de acompanhá-lo. Afinal, esse é um dos principais indicadores da economia — e pode influenciar a sua rotina nas finanças e seus investimentos.

Por exemplo, é necessário acompanhar o INCC para não ser pego de surpresa com reajustes em contratos de locação, financiamento e consórcio.

Além disso, perceber corretamente a dinâmica do índice pode auxiliar você a encontrar melhores estratégias de investimento, uma vez que ele pode indicar os rumos da economia e evidenciar tendências para o mercado de imóveis e outros setores.

Neste texto você compreendeu o que é INCC, como o índice funciona e de que forma ele influencia a dinâmica da economia nacional em diversos aspectos. Como foi possível notar, esse é um indicador importante a ser analisado por quem deseja lidar com suas finanças de forma inteligente.

Gostou destas informações? Para saber mais sobre como funcionam as dinâmicas da economia e como elas podem impactar suas finanças, veja como proteger seus investimentos da inflação!