Renova Invest Facebook

IPC Fipe: o que é e como é calculado?

IPC Fipe
IPC Fipe

Quem procura entender melhor o funcionamento da economia provavelmente já ouviu falar do IPC Fipe. Esse é um importante indicador, que tem como base para seu cálculo a situação dos preços do consumo na cidade de São Paulo.

Embora ele seja calculado a partir da realidade de uma cidade, seu impacto ultrapassa os limites dela. Afinal, São Paulo é a capital econômica do Brasil. Logo, a realidade percebida nela também afeta o restante do país.

Quer entender melhor como funciona o índice IPC Fipe, como ele é calculado e seus impactos na economia? Então continue a leitura deste texto!

O que é o IPC Fipe?

O IPC Fipe pode ser compreendido como um indicador econômico que representa o Índice de Preços ao Consumidor. Ele é calculado e organizado pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicos (FIPE) e tem o intuito de medir a inflação na região de São Paulo.

Esse índice surgiu no ano de 1939. No primeiro mês daquele ano, o cálculo começou a ser feito pela própria prefeitura da cidade. O órgão responsável pela tarefa foi a Divisão de Estatística e Documentação.

Além de ser feito por uma instituição diferente da atual, o nome do índice também era outro. Na época, ele era chamado de Índice Ponderado do Custo de Vida da Classe Operária na cidade de São Paulo.

Para aprimorar o cálculo, em 1968 a pesquisa passou a ser realizada pela Universidade de São Paulo (USP), no Instituto de Pesquisas Econômicas. Somente na década de 1970 é que a FIPE foi criada, ficando responsável pela elaboração do índice — que havia recebido o nome de IPC um ano antes.

Como o índice é calculado?

Na tarefa de calcular a inflação na cidade, o IPC Fipe leva em consideração o custo de vida das famílias paulistas que apresentam uma renda mensal de até dez salários mínimos. Esse cálculo é realizado todos os meses, com o objetivo de perceber a variação de preços para o consumidor.

É importante notar que nem sempre as mesmas despesas são consideradas. Frequentemente, é feita uma atualização, dependendo de pesquisas de orçamentos familiares feitas no local. No site da FIPE é possível ter acesso ao funcionamento do sistema de ponderação do cálculo.

São considerados 7 grupos, que compõem os itens fundamentais para as famílias paulistanas:

  • habitação;
  • alimentação;
  • transporte;
  • despesas pessoais;
  • saúde;
  • vestuário;
  • educação.

Com relação ao intervalo de tempo considerado para a realização da pesquisa, ele ocorre entre o primeiro e o último dia do mês. Então o resultado é publicado até o décimo dia do mês seguinte.

Além disso, a FIPE também divulga a variação dos preços das quatro semanas anteriores. Essa é uma forma de propagar maiores informações e permitir que as pessoas tenham acesso a um breve histórico da inflação no período.


INVESTIR FORA DO BRASIL? DESCUBRA COMO Investir fora do Brasil

INVESTIR FORA DO BRASIL? DESCUBRA COMO Investir fora do Brasil

Aprenda a como investir no exterior de forma prática


Para fazer o cálculo, a FIPE considera o mês por um padrão quadrissemanal. Isso significa que os dados são coletados por um período de oito semanas. A cada período é feita a divisão dos preços médios das quatro semanas de referência pelas médias das quatro anteriores.

Dessa forma, o resultado mensal do IPC Fipe se dá incluindo os preços da última semana e descartando os do intervalo semanal mais antigo.

Qual a importância do IPC Fipe?

Agora você já compreende melhor o que é, como funciona e como é calculado o IPC Fipe. Mas qual é a importância dele para a economia de São Paulo e de outros locais?

Confira a seguir algumas de suas influências!

Referência para correções monetárias

A principal utilidade do índice IPC Fipe é servir como referência para correções monetárias. Desde 2013, ele é o indexador aplicado nos contratos da Prefeitura de São Paulo. Dessa forma, quando é necessário atualizar esses valores, isso é feito com base na variação do IPC no período.

Perceber o bem-estar dos paulistanos

Outro ponto importante é que o IPC Fipe permite revelar a qualidade de vida e bem-estar das pessoas que vivem na região de São Paulo. Isso ocorre porque a variação no preço dos produtos impacta diretamente o modo de vida da população ao redor da cidade.


Servir de modelo

Por ser um dos primeiros índices que analisa a variação do preço ao consumidor, o IPC Fipe serviu de referência para a criação de outros índices. O próprio IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) já enviou profissionais para conhecer o IPC e compreender melhor sua metodologia.

Por que vale a pena entender o IPC Fipe?

Depois de compreender as principais informações sobre o índice, é possível notar a importância de acompanhá-lo, principalmente se você é um investidor ou deseja começar a investir.

Como vimos, a partir desse indicador é possível ter acesso ao preço do consumo na cidade mais desenvolvida do país. Nesse sentido, essas variações afetam toda a dinâmica dessa região, em especial o mercado imobiliário.

Saiba mais!

Impacto no mercado imobiliário

A variação do IPC Fipe atinge o mercado imobiliário tanto como referência para o aluguel quanto servindo de base para a análise de valorização do setor no geral. Com relação ao aluguel, é comum que o valor dos contratos de locação seja atualizado anualmente.

A base para o cálculo dessa atualização em São Paulo geralmente é o índice IPC Fipe. Dessa forma, ao acompanhar a variação, o proprietário ou inquilino pode prever melhor sua situação econômica para o ano seguinte.

Por outro lado, o IPC Fipe é referência também para a valorização dos imóveis. Assim, o índice permite que investidores enxerguem no mercado imobiliário uma oportunidade, seja para proteger o capital da inflação, seja para buscar resultados mais atrativos.

Além disso, de forma mais genérica, o índice permite notar a situação econômica do país como um todo. Isso porque ele analisa os preços do consumo básico das famílias da cidade mais desenvolvida do país, impactando também outras regiões.

Portanto, a partir do indicador IPC Fipe os investidores podem notar com maior clareza a condição da economia nacional. Assim é possível perceber, por exemplo, se ela está em tendência de crise, recuperação ou desenvolvimento.

Neste texto você entendeu o que é o IPC Fipe, sua história, cálculo e como esse índice serve de referência econômica, uma vez que mede a situação de São Paulo. Vale a pena acompanhar a variação dele para traçar melhores estratégias de investimento e proteger seu patrimônio.

Gostou destas informações? Para saber mais sobre finanças e investimentos, acompanhe nossos conteúdos nas redes sociais. Estamos no Instagram, Facebook, LinkedIn e Youtube!

Veja também

botão de concordância

0 Comentários
Feedbacks
Visualizar todos os comentários

Veja também

Postagens Relacionadas:

Utilizamos cookies que melhoram a sua experiência em nosso site. Todos seguem as regras da nossa Politica de Privacidade. Clicando em "OK" você concorda com a nossa política.