Renova Invest Facebook

Principais fundos imobiliários de 2023 listados na B3

Guia de FIIs: Conheça os fundos imobiliários do mercado brasileiro
Guia de FIIs: Conheça os fundos imobiliários do mercado brasileiro

Se você está buscando novas oportunidades de investimento para o próximo ano, os Fundos Imobiliários podem ser uma excelente opção. Esses fundos permitem que você invista no mercado imobiliário, mas sem a necessidade de comprar um imóvel físico. Neste artigo, vamos explicar tudo o que você precisa saber sobre essa modalidade de investimento.

O que são Fundos Imobiliários?

Os Fundos de Investimentos Imobiliários (FIIs) são veículos de investimento coletivos que têm como objetivo principal investir em ativos relacionados ao setor imobiliário. Eles são geridos por um gestor profissional e negociados na Bolsa de Valores.

Os FIIs funcionam de maneira semelhante a um condomínio. Cada investidor adquire cotas e tem direito a uma parte dos resultados obtidos pelo fundo. Esses ganhos podem vir tanto da valorização das cotas na bolsa quanto da distribuição de dividendos, geralmente provenientes da locação de imóveis.

Existem três tipos principais de FIIs:

  • Fundos de tijolo: Investem principalmente em imóveis físicos, como prédios comerciais, shopping centers, hospitais, entre outros.
  • Fundos de papel: Investem em títulos de renda fixa relacionados ao mercado imobiliário, como Certificados de Recebíveis Imobiliários (CRIs) e Letras de Crédito Imobiliário (LCIs).
  • Fundos de fundos: Investem em cotas de outros FIIs.

Quais são os principais FIIs listados na B3?

A B3, bolsa de valores brasileira, possui diversos FIIs listados. Após entender o que são os FIIs, é importante conhecer algumas das opções disponíveis. Confira a seguir alguns dos principais FIIs que se destacaram recentemente:

1. Bresco Logística (BRCO11)

O Bresco Logística é um fundo de tijolo que tem como foco investir em imóveis logísticos. Atualmente, o fundo possui uma pontuação de risco de 40, considerado alto.

2. BTG Pactual Logística (BTLG11)

Também focado em imóveis logísticos, o BTG Pactual Logística tem uma pontuação de risco de 31, considerado alto.

3. CSHG Logística (HGLG11)

O CSHG Logística é outro fundo imobiliário focado em imóveis logísticos, com uma pontuação de risco de 15, considerado médio.

4. VBI Logístico (LVBI11)

O VBI Logístico é um fundo de tijolo focado em imóveis logísticos. Atualmente, o fundo possui uma pontuação de risco de 39, considerado alto.

5. VBI Prime Properties (PVBI11)

O VBI Prime Properties é um fundo focado em lajes corporativas, com uma pontuação de risco de 33, considerado alto.

Vantagens e riscos dos Fundos Imobiliários

Investir em FIIs pode trazer diversas vantagens, como a possibilidade de diversificação da carteira, menores custos e burocracias em comparação à compra direta de um imóvel, e a possibilidade de receber rendimentos mensais.

No entanto, é importante lembrar que essa modalidade de investimento também apresenta riscos. Os FIIs fazem parte da classe de renda variável, o que significa que há uma maior imprevisibilidade em relação aos ganhos. Além disso, o desempenho dos FIIs pode ser impactado por mudanças no mercado imobiliário.

Como investir em Fundos Imobiliários?

Para investir em FIIs, você precisa abrir uma conta em uma corretora de valores. Em seguida, você pode acessar a plataforma de negociação da corretora, conhecida como home broker, e comprar as cotas do FII desejado.

Além disso, é importante lembrar que é necessário avaliar cuidadosamente cada FII antes de fazer o investimento. Isso inclui entender o tipo de fundo, a estratégia de investimento, a gestão, e a performance passada do fundo.

Conclusão

Os Fundos Imobiliários são uma excelente forma de diversificar sua carteira e aproveitar as oportunidades do mercado imobiliário. No entanto, é importante lembrar que eles também apresentam riscos e, portanto, exigem uma avaliação cuidadosa antes do investimento.

Se você está pensando em investir em FIIs, não deixe de considerar as informações que apresentamos neste artigo. E lembre-se: a escolha do melhor FII para você deve levar em conta não só as características do fundo, mas também o seu perfil de investidor e os seus objetivos financeiros.

Veja também:

Inscreva-se
Notificar-me de
Esse campo só será visível pela administração do site
botão de concordância
0 Comentários
Feedbacks
Visualizar todos os comentários

Utilizamos cookies que melhoram a sua experiência em nosso site. Todos seguem a nossa Politica de Privacidade. Clicando em "OK" você concorda com a nossa política.