Renova Invest Facebook

Fee based: como investir sem conflito de interesses?

Fee based
Fee based

Fee based é um modelo de negócios adotado por algumas corretoras de valores em que se cobra uma taxa específica pelos serviços prestados. Por exemplo, quando um investidor adquire um ativo, o gestor recebe a sua remuneração por meio de uma taxa única.

A Instrução CVM 582 criou o modelo em 2017. O termo, em inglês, significa “baseado em uma taxa”.

Vale destacar que é uma taxa fixa ou uma taxa baseada em um valor acordado pelo serviço prestado, independente do resultado ou do montante de investimentos ou transações envolvidas.

Além disso, o modelo fee based destina-se a transmitir transparência e imparcialidade. Em muitos casos, os profissionais que adotam esse modelo se esforçam para fornecer recomendações neutras e alinhadas aos interesses do cliente, sem influência de incentivos financeiros, já que nenhuma comissão é acrescentada à receita da instituição ou aos profissionais.

Como funciona o fee based

O prestador de serviços comunica claramente ao cliente a taxa cobrada. Essa taxa pode ser uma quantia fixa, uma porcentagem sobre os ativos gerenciados, uma taxa horária ou uma taxa com base em um projeto específico.

Ainda, o fee-based permite que o prestador de serviços personalize os serviços de acordo com as necessidades específicas do cliente. Dessa forma, os clientes pagam apenas pelos serviços que desejam receber.

Com esse modelo, o sucesso financeiro do prestador de serviços está diretamente vinculado à satisfação e ao sucesso do cliente. Afinal, o fee based é mais transparente do que modelos de negócios baseados em comissões, pois os clientes sabem exatamente o quanto estão pagando pelos serviços recebidos.

Quais as vantagens?

Existem diversas vantagens que são frequentemente citadas pelos defensores desse modelo de negócios. São elas:

Transparência: já que os assessores comunicam claramente aos clientes as taxas cobradas pelos serviços.

Alinhamento de interesses: como a remuneração do profissional depende do sucesso e satisfação do cliente, há um maior alinhamento de interesses entre o cliente e o profissional.

Renda fixa
Seta Tripla

Descubra agora a
NOVA RENDA FIXA
que pode turbinar seus ganhos. 


Serviços personalizados: os prestadores de serviços podem oferecer soluções personalizadas e adaptadas às necessidades específicas de cada cliente.

Ausência de conflito de interesses: em modelos de negócios baseados em comissões, pode haver um conflito de interesses, pois o prestados de serviços pode ser incentivado a recomendar produtos e serviços que não sejam melhores para o cliente, mas que ofereçam maiores comissões. O fee based reduz esse tipo de conflito.

Maior confiança: a transparência e a imparcialidade podem aumentar a confiança do cliente no profissional, uma vez que o cliente tem mais clareza sobre a relação financeira e os serviços prestados.

Diferença entre fee based e commission based

A principal diferença entre fee based e commission based está na forma como os profissionais são remunerados.

Como visto antes, no modelo fee based, os assessores cobram uma taxa fixa pelos serviços prestados aos clientes. Nesse sentido, a ideia é fornecer uma estrutura de remuneração transparente, onde o cliente sabe exatamente quanto está pagando pelo serviço.

Já no commission based, os prestadores de serviços recebem comissões como parte da remuneração pelos produtos financeiros que vendem ou pelos serviços que prestam aos clientes.

Em outras palavras, eles ganham uma porcentagem do valor total da venda ou transação. Sendo assim, essas comissões variam de acordo com os produtos financeiros oferecidos, e isso pode criar um possível conflito de interesses.

Ou seja, a escolha entre esses modelos dependerá das preferências pessoais do cliente, das necessidades específicas e da confiança no profissional.

Perguntas frequentes

O que é o modelo fee based?

É um modelo de negócios em que os prestadores de serviços cobram uma taxa fixa ou uma taxa baseada em um valor acordado pelos serviços prestados aos clientes.


Quais são os benefícios do modelo fee based?

As principais vantagens do fee based incluem maior transparência nas taxas, ausência de conflito de interesses baseado em comissões e foco no relacionamento de longo prazo com os clientes.

Como o modelo fee based difere do modelo commission based?

O fee based baseia-se em taxas fixas ou acordadas, enquanto o modelo commission based remunera os prestadores de serviços com comissões relacionadas aos produtos financeiros vendidos ou às transações realizadas.

Como posso garantir que estou obtendo um serviço de qualidade em um modelo fee based?

Pesquise e escolha profissionais com sólida reputação e experiência no setor em que atuam. Peça referências, verifique avaliações de clientes anteriores e faça perguntas detalhadas sobre a estrutura de taxas e os serviços oferecidos.

O modelo fee based é sempre a melhor opção?

Não necessariamente. Embora o modelo fee based tenha suas vantagens, cada cliente é único, e a escolha entre esse modelo e outros dependerá das preferências individuais, das necessidades específicas e da confiança no profissional.

Não perca os nossos vídeos no Youtube! Se inscreva no canal e fique atento às nossas novidades sobre o mundo dos investimentos.

Veja também:

Inscreva-se
Notificar-me de
Esse campo só será visível pela administração do site
botão de concordância
0 Comentários
Feedbacks
Visualizar todos os comentários

Utilizamos cookies que melhoram a sua experiência em nosso site. Todos seguem a nossa Politica de Privacidade. Clicando em "OK" você concorda com a nossa política.