Autarquias no Brasil: Características, Responsabilidades e Tipos

Autarquias do brasil
Autarquias do brasil

Uma autarquia é uma entidade que faz parte da administração pública indireta, caracterizada pela sua autonomia em relação ao ente que a instituiu, seja a União, o Estado, o Município ou o Distrito Federal. Diferentemente da administração pública direta, as autarquias possuem maior liberdade e autonomia para realizar suas atividades, atuando de forma descentralizada.

Características de uma Autarquia

As autarquias brasileiras possuem algumas características específicas que as distinguem de outras entidades. Primeiramente, elas devem desempenhar uma função social e pública, atuando em áreas como educação, seguridade social, transporte público, entre outras, que tenham impacto direto na sociedade.

Além disso, as autarquias são entidades públicas, o que significa que empresas do setor privado não podem se enquadrar nessa categoria. Elas são fiscalizadas pelo Estado, mesmo que tenham autonomia para exercer suas atividades. A contratação de funcionários ocorre por meio de concursos públicos, assim como em órgãos da administração pública.

Uma autarquia deve ser autossustentável, ou seja, deve possuir recursos próprios para financiar suas atividades, sem depender diretamente do governo. Isso garante sua independência e capacidade de atuação.

Responsabilidades de uma Autarquia

As autarquias têm a responsabilidade de desenvolver atividades que atendam a demandas sociais e públicas da comunidade brasileira. Elas prestam serviços sociais e desempenham atividades que possuem prerrogativas públicas, sempre respeitando as leis e regulamentações do setor em que atuam.

Embora tenham autonomia, as autarquias devem seguir as diretrizes estabelecidas para o seu segmento de atuação. Elas são fiscalizadas pelo Estado, garantindo que suas atividades estejam em conformidade com a legislação vigente.

Tipos de Autarquias no Brasil

No Brasil, existem diferentes tipos de autarquias, que podem ser classificadas de acordo com o nível de governo responsável pela sua fiscalização.

  • Autarquia Federal: São fiscalizadas pelo Governo Federal e possuem autonomia e recursos próprios. Exemplos incluem o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), responsável pela previdência social, e a Agência Nacional de Telecomunicações (ANATEL), que regula o setor de telecomunicações.
  • Autarquia Estadual: São fiscalizadas pelos governos estaduais e também possuem autonomia e recursos próprios. Exemplos incluem a Universidade de São Paulo (USP) e a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP).
  • Autarquia Municipal: São fiscalizadas pelos governos municipais e atuam em áreas específicas de cada cidade. Um exemplo comum são as empresas responsáveis pelo abastecimento de água e saneamento básico.
  • Autarquia Distrital: São instituídas pelo Distrito Federal e possuem autonomia para atuar em áreas específicas. Exemplos incluem a Fundação Jardim Zoológico de Brasília e a Agência de Fiscalização do Distrito Federal.

Como Surgiram as Autarquias no Brasil?

As autarquias surgiram no Brasil a partir do Decreto-Lei nº 200/1967, que trouxe mudanças significativas na organização da administração pública, tanto na administração direta quanto na indireta.

A administração pública direta é composta pelos órgãos integrantes do ente federativo, como a União, o Estado, o Município ou o Distrito Federal. Já a administração pública indireta é composta por entidades com autonomia para realizar suas atividades, como as autarquias, empresas públicas, fundações públicas e sociedades de economia mista.

As autarquias foram criadas para desempenhar atividades típicas do Estado, porém, sem caráter econômico. Elas possuem personalidade jurídica própria e autonomia para realizar suas atividades administrativas de forma descentralizada.

Renda fixa
Seta Tripla

Descubra agora a
NOVA RENDA FIXA
que pode turbinar seus ganhos. 


Conclusão

As autarquias desempenham um papel importante na administração pública indireta do Brasil. Elas possuem características específicas que as diferenciam de outras entidades, como sua autonomia, responsabilidade social e fiscalização pelo Estado.

Com diferentes tipos de autarquias atuando em diversos níveis de governo, elas desempenham um papel fundamental na prestação de serviços e no cumprimento de demandas sociais e públicas. Seu papel autossustentável garante independência para a realização de suas atividades, sempre em conformidade com as leis e regulamentações do setor.

As autarquias são parte essencial da estrutura administrativa do país, contribuindo para o desenvolvimento e bem-estar da sociedade brasileira.

Veja também:

Inscreva-se
Notificar-me de
Esse campo só será visível pela administração do site
botão de concordância
0 Comentários
Feedbacks
Visualizar todos os comentários

Utilizamos cookies que melhoram a sua experiência em nosso site. Todos seguem a nossa Politica de Privacidade. Clicando em "OK" você concorda com a nossa política.