Renova Invest Facebook

Análise Completa: Resultado BrasilAgro (AGRO3) para o 4T20

Análise Completa: Resultado BrasilAgro (AGRO3) para o 4T20
Análise Completa: Resultado BrasilAgro (AGRO3) para o 4T20

No dia 09 de fevereiro de 2021, foi apresentado o resultado BrasilAgro (AGRO3) para o 4T20 e a equipe de Equity Research da Eleven Financial Research já realizou a análise dos dados divulgados. Confira os pontos principais.

BrasilAgro traz resultado positivo no 4T20

De acordo com o relatório da Eleven, o resultado da BrasilAgro (AGRO3) apresentado foi positivo e em linha com as expectativas, refletindo um aumento da receita de grãos e maior produtividade operacional.

Os destaques do período foram aumento de receita e maior produtividade operacional.

No dia em que o relatório foi publicado, as ações AGRO3 estavam sendo negociadas a R$ 23,95. O valor de mercado era de R$ 1,9 bilhão.

Resultado BrasilAgro (AGRO3) para o 4T20

Receita de grãos traz impactos positivos

Segundo a Eleven, o resultado da safra 2020/2021 no 4T20 foi positivo e em linha com as estimativas da equipe. O ano safra 2020/2021 corresponde ao exercício social iniciado em 1º de julho de 2020 e que será encerrado no dia 30 de junho de 2021.

Esse resultado se deu em virtude do aumento da receita de grãos e maior produtividade operacional. Os principais destaques do período foram as vendas de milho de segunda safra e do algodão colhido no 3T20.

A receita líquida foi de quase R$ 119 milhões, alta de +37% na comparação anual, refletindo um aumento na receita de algodão, milho, cana-de-açúcar e com arrendamentos, compensando as retrações das receitas de soja e pecuária.

Revisão das projeções para safra 2020/21

De acordo com a Eleven, a BrasilAgro apresentou estimativas positivas para a safra iniciada em julho de 2020.

Estima-se que houve um aumento de +1,2% na área plantada, praticamente estável em relação à estimativa divulgada no 3T20, refletindo a incorporação de áreas transformadas na Bahia e no Paraguai e a migração de áreas de cana-de-açúcar para cultivos de maior aptidão para safra e safrinha.

Renda fixa
Seta Tripla

Descubra agora a
NOVA RENDA FIXA
que pode turbinar seus ganhos. 


As principais contribuições desse aumento devem vir de áreas plantadas de soja (+8,6%) e feijão (+119,6%), enquanto as culturas de milho, algodão e cana-de-açúcar devem ter áreas plantadas reduzidas.

Em termos de produção, também revisou suas projeções. A estimativa é que haja um aumento na produção de soja (+15,8%) e de milho safra (+23,1%); porém, uma queda do milho safrinha (-8,3%) e do algodão (-32,3%), em virtude da redução da área plantada, parcialmente compensada pelo aumento de produtividade.

Impacto do incêndio de unidade sobre o volume colhido

Segundo a Eleven, a BrasilAgro revisou para baixo suas estimativas de volume na próxima safra, projetando uma queda de -7,7% na comparação de base anual, devido ao incêndio em uma de suas unidades.

Nota-se que o evento não impactou a produção na safra encerrada, mas impacta as soqueiras de cana-de-açúcar para a próxima safra.

Além disso, a companhia espera uma queda de -23,2% na produção de carne em comparação à safra 2019/2020. Essa revisão para baixo da pecuária é reflexo do número de hectares, cabeças e ganho de peso abaixo do esperado.

Perspectivas para a BrasilAgro são positivas

Segundo a BrasilAgro, o cenário no agronegócio é positivo. O aumento da demanda por alimentos e a alta no preço das commodities devem alavancar as margens dos produtores, amenizando os impactos decorrentes da pandemia.

De acordo com a Eleven, as perspectivas para BrasilAgro permanecem positivas, em virtude dos ganhos constantes de produtividade e consistência na venda de terras. A companhia se encontra com um mix de 43% de terras arrendadas versus 57% terras próprias, reduzindo assim a volatilidade de seus retornos.

Além disso, os atuais preços das commodities agrícolas e o real desvalorizado devem contribuir positivamente para seus resultados nas próximas safras.

EBITDA ajustado tem alta de +267%

Conforme informa a Eleven, o EBITDA da BrasilAgro ficou em quase R$ 48,5 milhões no 4T20. O número revela alta de +267% em relação ao mesmo período de 2019.

O EBITDA ajustado dos produtos agrícolas na safra chegou a R$ 48 milhões, alta de +267% na comparação de base anual e em linha com as expectativas. Por sua vez, a margem EBITDA foi de 41%, reflexo tanto do aumento dos preços agrícolas em reais quanto de produtividade, o que é positivo.


Prejuízo Líquido, com queda de -215%

Conforme o relatório da Eleven, o prejuízo líquido da BrasilAgro no 4T20 foi de R$ 23,46 milhões. Esse resultado representa queda de -215% em relação ao mesmo período de 2019, superando a estimativa da equipe em 3%.

Resultado BrasilAgro (AGRO3) para o 4T20

Resultado BrasilAgro (AGRO3) para o 4T20: Recomendações

Recomendação da Eleven Financial Research

A equipe de análise da Eleven acredita que as perspectivas para a BrasilAgro (AGRO3) permanecem positivas, refletindo ganhos constantes de produtividade e consistência na venda de terras. Os atuais preços das commodities agrícolas, assim como o real desvalorizado também contribuirá positivamente para o resultado nas próximas safras.

Assim, estabelece recomendação de compra, com preço-alvo em R$ 33,00.

 

Esta foi nossa apresentação da análise da equipe de Equity Research da Eleven Financial Research sobre o resultado BrasilAgro (AGRO3) para o 4T20. Acompanhe os conteúdos da Renova Invest para ter acesso a todas as análises de resultados trimestrais.

Disclaimer: As informações apresentadas neste artigo são provenientes de relatórios elaborados por terceiros. Esse material tem caráter puramente informativo, e não configura recomendação ou sugestão de investimento.

Veja também:

Inscreva-se
Notificar-me de
Esse campo só será visível pela administração do site
botão de concordância
0 Comentários
Feedbacks
Visualizar todos os comentários

Utilizamos cookies que melhoram a sua experiência em nosso site. Todos seguem a nossa Politica de Privacidade. Clicando em "OK" você concorda com a nossa política.