Conheça o fundo de investimento imobiliário BRCR11

Conheça o fundo de investimento imobiliário BRCR11

Os fundos imobiliários são investimentos bastante conhecidos por investidores mais experientes. E ultimamente estão ganhando espaço também entre os investidores iniciantes e entre aqueles que desejam diversificar seus investimentos.

E foi pensando em ajudar você, investidor, a conhecer algumas das principais oportunidades em FIIs do mercado brasileiro que preparamos uma série sobre Fundos de Investimento Imobiliário.

No artigo de hoje você conhecerá mais sobre o fundo BRCR11. Continue a leitura e saiba mais sobre ele!

Fundo Imobiliário BRCR11

O BC Fund – listado na bolsa brasileira B3 sob o código BRCR11 – é o maior fundo de investimento imobiliário de lajes corporativas listado em bolsa do Brasil. Este é, portanto, um fundo que investe na compra de imóveis, prontos ou em construção, para fins comerciais e outros tipos de empreendimentos com a mesma finalidade.

Todos os empreendimentos que compõem o portfólio do fundo são bem localizados em centros comerciais, locais de grande movimentação de pessoas ou shopping centers, por exemplo. O fundo atualmente é administrado pelo maior banco de investimentos da América Latina, o BTG Pactual.

O principal objetivo do fundo é obter renda com venda, locação ou arrendamento dos imóveis ou unidades comerciais, que estão localizados em cidades de grande porte ou regiões metropolitanas.

Basicamente, o fundo é composto por lojas, salas comerciais, vagas de garagem, terrenos, além de Letras Hipotecárias, direitos sobre imóveis, Letras de Crédito Imobiliário (LCI), Certificados de Recebíveis Imobiliários (CRIs) e cotas de outros fundos imobiliários.

O fundo imobiliário BRCR11 é ndicado para quem deseja ter uma renda constante, proveniente dos aluguéis de imóveis comerciais.

Informações sobre o fundo

O fundo foi constituído em junho de 2007, exatamente com o objetivo de adquirir escritórios e lajes corporativas. Vale notar que, mesmo investindo em imóveis comerciais, o BRCR11 não investe em galpões ou imóveis similares a estes.

Em janeiro de 2020, a taxa de administração cobrada pelo fundo era de 0,25% ao ano sobre o patrimônio líquido ou sobre seu valor de mercado se o fundo fizer parte do índice de mercado (IFIX) com, no mínimo, R$30 mil mensais corrigidos pelo IGP-M.

O gestor do fundo, como você já sabe, é o banco BTG Pactual.

Atualmente, o portfólio do BC Fund conta com escritórios localizados nas cidades de São Paulo e Rio de Janeiro, concentrando-se em 12 edifícios corporativos de alta qualidade (Classes A e AAA).

Esses empreendimentos são alugados por empresas nacionais e multinacionais conhecidas, como: CNN, Petrobras, Volkswagen, dentre outras.

Além disso, o portfólio do BRCR11 contém outros ativos, como cotas de distintos FIIs, LCIs e CRIs. Vale destacar que os rendimentos desses ativos são isentos de tributos ao fundo – mas não ao investidor.

Como funciona o processo de escolha do portfólio do fundo?

Os ativos e os empreendimentos desse fundo são escolhidos por meio da análise constante do mercado imobiliário de escritórios, focando no eixo RJ-SP. São realizadas diligências rigorosas sobre os imóveis e a capacidade de administração e gestão, a fim de encontrar as melhores opções de investimentos.

Há um mapeamento constante da oferta e demanda no mercado de escritórios comerciais, o que permite ao BC Fund identificar os imóveis com maior potencial de valorização.

O histórico do fundo demonstra que, mesmo em períodos de crise, o FII conseguiu apresentar bons resultados, de acordo com o site do próprio BC Fund.

Rentabilidade do fundo

Abaixo, você confere a evolução da rentabilidade do BRCR11 nos últimos 5 anos, de acordo com o site clubefii em 20/04/2020:

 

"<yoastmark

Composição da carteira do fundo

Os 12 imóveis que compõem o fundo atualmente estão dispostos nas cidades de Rio de Janeiro e São Paulo. Confira-os abaixo.

  • edifício

    Edifício Brazilian FC – Bela Vista

    São Paulo – SP

  • edifício

    Centro Empresarial Cenesp – Jardim São Luís

    São Paulo – SP

  • edifício eldorado

    Edifício Eldorado Business Tower – Várzea de Baixo

    São Paulo – SP

  • edifício volkswagen

    Edifício Volkswagen – Jabaquara

    São Paulo – SP

  • Centro Empresarial Transatlântico – Chácara Santo Antônio

    São Paulo – SP

  • Edifício Cidade Jardim – Itaim Bibi

    São Paulo – SP

  • Edifício Burity – Indianópolis

    São Paulo – SP

  • Edifício Torre Sucupira – Marginal Pinheiros

    São Paulo – SP

  • edifício montreal

    Edifício Montreal – Barra da Tijuca

    Rio de Janeiro – RJ

  • Edifício CEO Office – Barra da Tijuca

    Rio de Janeiro – RJ

  • edifício mv9

    Edifício MV9 – Centro

    Rio de Janeiro – RJ

  • edifício Senado

    Edifício Senado – Centro

    Rio de Janeiro – RJ

Vale a pena?

Decerto, o fundo BRCR11 é um fundo de tijolo e tem como principal objetivo oferecer ao investidor uma renda mensal proveniente do aluguel de salas comerciais em edifícios corporativos, além de gerar rentabilidade aos cotistas a partir dos investimentos escolhidos para compor a carteira do fundo.

Assim, caso deseje investir em fundos imobiliários, o BRCR11 pode ser uma boa escolha para você.

Contudo, antes de investir em qualquer tipo de fundo, você precisa conhecer seu perfil de investidor e seus objetivos financeiros para identificar se a modalidade de investimento é adequada à sua carteira.

Além disso, é importante analisar a lâmina do fundo com atenção e buscar sempre a maior quantidade de informações possíveis sobre o FII antes de decidir fazer seu investimento em um fundo de investimento imobiliário.

Se interessou pelo fundo BRCR11 ou deseja encontrar outras boas oportunidades de investimentos em fundos imobiliários? Então clique aqui e conte com nossa ajuda para escolher os melhores FIIs para o seu portfólio!03

Deixe uma resposta