Renova Invest Facebook
Busca de Artigos no blog

O que é um investimento ESG? Saiba aqui!

Nos últimos anos, o tema dos investimentos sustentáveis tem ganhado cada vez mais destaque no mercado financeiro. Os investidores estão buscando aliar rentabilidade financeira com práticas que contribuam para um mundo melhor. Nesse contexto, os investimentos ESG (Environmental, Social and Governance) surgem como uma opção para aqueles que desejam investir de forma sustentável, levando em consideração critérios ambientais, sociais e de governança corporativa.

Neste artigo, vamos explorar o que são os investimentos ESG, como funcionam na prática e como é possível investir de forma sustentável e rentável. Vamos abordar os principais aspectos do ESG, incluindo critérios ambientais, sociais e de governança corporativa, e discutir a importância desses investimentos para promover mudanças positivas na sociedade e no meio ambiente.

O que é ESG?

ESG é uma sigla em inglês que significa Environmental, Social and Governance, ou, em português, Ambiental, Social e Governança. Essa sigla é utilizada para classificar empresas e investimentos que adotam boas práticas nessas três áreas, levando em consideração critérios relacionados ao meio ambiente, à responsabilidade social e à governança corporativa.

No âmbito ambiental, as empresas ESG preocupam-se com questões como a redução de emissões de gases de efeito estufa, o uso consciente de recursos naturais, a preservação da biodiversidade e a adoção de práticas sustentáveis em sua cadeia produtiva.

No aspecto social, as empresas ESG valorizam o bem-estar de seus funcionários, a diversidade e inclusão, o respeito aos direitos humanos, a promoção da igualdade de gênero e a contribuição para o desenvolvimento das comunidades em que estão inseridas.

Crie sua renda recorrente mensal com a estratégia dividendos sintéticos!


Já no quesito governança corporativa, as empresas ESG prezam pela transparência em suas operações, pela ética nos negócios, pela independência do conselho de administração e pela adoção de políticas de combate à corrupção e aos conflitos de interesse.

Como funcionam os investimentos ESG?

Os investimentos ESG levam em consideração os critérios ambientais, sociais e de governança corporativa na hora de selecionar os ativos em que se investe. Os investidores buscam empresas que adotam boas práticas nessas áreas, acreditando que essas empresas têm um desempenho financeiro melhor no longo prazo.

Existem diferentes abordagens para os investimentos ESG. Alguns investidores preferem investir diretamente em ações de empresas que seguem esses critérios, enquanto outros optam por investir em fundos de investimento que selecionam empresas ESG para compor suas carteiras.

Além disso, existem índices de sustentabilidade que agrupam empresas que atendem a critérios ESG específicos. Esses índices são uma forma de acompanhar o desempenho das empresas que adotam boas práticas nessas áreas e podem servir como referência para os investidores.


Por que investir em ESG?

Investir em ESG pode trazer diversos benefícios tanto para os investidores quanto para a sociedade e o meio ambiente. Os investimentos sustentáveis têm se mostrado rentáveis e podem oferecer oportunidades de longo prazo para os investidores.

Estudos têm demonstrado que empresas que adotam boas práticas ESG têm um desempenho financeiro superior no longo prazo. Além disso, essas empresas tendem a ser mais resilientes a crises e a enfrentar menos riscos financeiros, o que pode ser especialmente relevante em um cenário de incertezas econômicas e ambientais.

Além dos benefícios financeiros, os investimentos ESG também promovem mudanças positivas na sociedade e no meio ambiente. Ao investir em empresas que adotam boas práticas ambientais, sociais e de governança corporativa, os investidores contribuem para a promoção da sustentabilidade, a melhoria das condições de trabalho, o respeito aos direitos humanos e o combate à corrupção.

Qual é a relevância do investimento ESG?

Como mostramos, o tema ESG tem se mostrado uma tendência em todo o mundo. Afinal, é cada vez mais necessário pensar sobre questões ambientais e éticas — a fim de buscar práticas mais respeitosas e sustentáveis na sociedade.

A situação recente de pandemia impulsionou ainda mais as discussões sobre o cenário. Com a disseminação da COVID-19, em 2020, diversos dados sobre a produção e os hábitos de consumo vieram fortalecer diálogos nesse sentido.

O novo contexto impactou, por exemplo, a rotina de consumo e de descarte de lixo das pessoas. Em relação às empresas, a diminuição do ritmo de trabalho e produção levou a uma redução expressiva na emissão de gases poluentes durante a quarentena.

Assim, são informações que evidenciam a necessidade de pensar acerca do papel das indústrias nas mudanças climáticas e demais problemas ambientais. Ao se engajarem na problemática, muitos consumidores passaram a pressionar as empresas a se reinventarem.

Desse modo, o conjunto de práticas ESG não tem relevância apenas ambiental, mas também econômica. Além de ser importante para preservar o ambiente e manter o negócio em funcionamento, a responsabilidade também é uma forma de atrair novos consumidores.

Por isso, pode-se dizer também que os investimentos ESG apresentam tendência de crescimento. Inclusive, já demonstram resultados positivos em termos de receita e lucro das empresas que cumprem os critérios.

Quais as características dos investimentos ESG?

Primeiramente, é preciso ter em mente que os investimentos contam com critérios ESG específicos. Eles orientam tanto o gestor quanto os investidores interessados no assunto.

No primeiro caso, tais critérios servem como fatores de seleção. Se a companhia não se enquadrar em todas as exigências, não fará parte do fundo. No segundo, oferece informações sobre o negócio ao investidor. Assim, ele pode avaliar cada companhia antes de investir.

A seguir, serão apresentadas as principais características responsáveis pela formação de uma carteira que conta com investimentos sustentáveis.

Impactos sociais

O termo sustentabilidade remete, para muitos, ao meio ambiente. Contudo, não é apenas disso que ele se trata. Os direitos humanos também estão inclusos em seus ideais. Diversas organizações já levam esse ponto em consideração ao falarem sobre o que é ESG.

Afinal, como é possível construir uma sociedade equilibrada, no que diz respeito aos impactos, em meio à desigualdade social, por exemplo? Sabendo disso, a relação entre corporações e seus entornos se faz muito importante nos investimentos ESG.

Para conferir tal critério, os gestores levam em conta as iniciativas sociais das empresas. Por exemplo:


  • amparo a famílias vulneráveis;
  • fomento à cultura, educação e saúde;
  • relacionamento respeitoso com as equipes internas;
  • movimentos voltados à diversidade e representatividade na companhia etc.

Empresas engajadas com suas comunidades, que têm uma atitude socialmente responsável e que cuidam de seus consumidores atendem a aspectos ESG. Logo, tendem a chamar a atenção de gestores e investidores — e também da sociedade em geral.

Questões ambientais

O fator ambiental não poderia ficar de fora da discussão. Inevitavelmente, a relação das organizações com os recursos naturais usados por eles é essencial quando se fala de investimentos ESG.

Por muitos anos, têm-se discutido sobre os resíduos gerados por grandes negócios. O uso inadequado de matérias-primas e os impactos do descarte são exemplos de temáticas constantes na mídia, em encontros ambientais e entre os próprios consumidores.

Na intenção de se adequarem a valores mais sustentáveis — inclusive em relação à legislação — as empresas tiveram que mudar. Elas precisaram contar as histórias por trás de seus processos, deixando claras suas atitudes no âmbito da redução de impactos ambientais.

No momento de conferir a conformidade das organizações, os gestores de fundos ESG levam em consideração fatores como:

  • pegada de carbono;
  • contribuição para o efeito estufa;
  • descarte de resíduos;
  • emissão de gases poluentes;
  • presença ou ausência de energia renovável nos processos etc.

Sabemos que já existem diversas alternativas tecnológicas capazes de minimizar impactos ambientais das empresas. Além de atuarem nesse sentido, elas também tendem a otimizar processos.

Diversas organizações estão utilizando a transformação digital para desenvolver práticas mais sustentáveis. Desse modo, aproximam-se do significado de ESG e contribuem com a disseminação de ideais sustentáveis em negócios de diferentes portes e setores.

Companhias que não estejam totalmente alinhadas aos pontos apresentados dificilmente comporão os fundos de investimento ESG. Mas, considerando a evolução das discussões em nível mundial, a tendência é que cada vez mais empresas estejam alinhadas aos critérios ambientais.

Governança corporativa

Por fim, outro conceito relevante quando se trata do que é um investimento ESG é o da governança corporativa. Ela diz respeito a um conjunto de processos que regulam a administração, direção e controle empresarial.

Eles incluem leis, políticas, cultura, regulamentos e outros pontos capazes de nortear a gestão. Modelos de negócio ultrapassados, que minimizam a importância dos colaboradores ou que exploram o trabalho, por exemplo, não atentam para a relevância do tema.

Para se adequar aos critérios ESG, a companhia deve aplicar metodologias inclusivas, respeitosas e inovadoras. Alguns dos fatores analisados para observar as práticas de governança corporativa incluem:

  • políticas organizacionais;
  • iniciativas anticorrupção;
  • transparência nas declarações financeiras;
  • metodologia de contabilidade;
  • imagem pública etc.

No que se refere à imagem, é válido conhecer o que se fala sobre a empresa. Tanto na mídia, quanto em relação aos próprios funcionários e clientes. Todos os pontos citados até aqui estão ligados a fatores que endossam os critérios ESG.

Como investir em ESG?

Investir em ESG requer um processo de análise mais aprofundado, levando em consideração critérios além do retorno financeiro. Para começar a investir de forma sustentável, é importante seguir algumas etapas:

Conheça os critérios ESG: Familiarize-se com os critérios ambientais, sociais e de governança corporativa e entenda como eles podem influenciar a performance das empresas.

Analise as empresas: Pesquise sobre as empresas em que você pretende investir e verifique se elas adotam boas práticas ESG. Avalie os relatórios de sustentabilidade, as políticas ambientais e sociais, os indicadores de governança corporativa e a transparência das operações.

Considere os fundos de investimento: Caso prefira investir em fundos de investimento, verifique se eles seguem critérios ESG na seleção de suas carteiras. Analise o histórico de desempenho do fundo e a reputação da gestora.

Diversifique seus investimentos: Assim como em qualquer estratégia de investimento, é importante diversificar sua carteira. Invista em empresas de diferentes setores e geografias para reduzir os riscos.

Acompanhe o desempenho: Monitore regularmente o desempenho dos seus investimentos ESG e verifique se as empresas continuam adotando boas práticas nessas áreas. Acompanhe também as tendências e os avanços no mercado de investimentos sustentáveis.

Conclusão

Os investimentos ESG oferecem uma oportunidade de investir de forma sustentável e rentável, levando em consideração critérios ambientais, sociais e de governança corporativa. Essa abordagem tem se mostrado cada vez mais relevante no mercado financeiro, com investidores buscando aliar retorno financeiro com impacto positivo na sociedade e no meio ambiente.

Ao investir em empresas que adotam boas práticas ESG, os investidores contribuem para a promoção da sustentabilidade, a melhoria das condições de trabalho, o respeito aos direitos humanos e a transparência nas operações. Além disso, empresas que seguem esses critérios têm demonstrado um desempenho financeiro superior no longo prazo.

Portanto, se você está em busca de investimentos que tragam retorno financeiro e impacto positivo, considere investir em ESG. Faça uma análise criteriosa das empresas em que pretende investir e busque orientação de profissionais especializados para tomar decisões informadas e conscientes. Dessa forma, você estará contribuindo para um futuro mais sustentável e responsável.

Veja também:

Inscreva-se
Notificar-me de
Esse campo só será visível pela administração do site
botão de concordância
0 Comentários
Feedbacks
Visualizar todos os comentários

Utilizamos cookies que melhoram a sua experiência em nosso site. Todos seguem a nossa Politica de Privacidade. Clicando em "OK" você concorda com a nossa política.