Renova Invest Facebook

Conheça a criptomoeda Ankr: sua história, proposta e potencial de investimento

Conheca a criptomoeda Ankr
Conheca a criptomoeda Ankr

O universo das criptomoedas criou um mercado gigante e que não para de atrair cada vez mais investidores. Por ser um tipo de investimento relativamente novo, é normal ter muitas dúvidas sobre se vale mesmo a pena colocar dinheiro nisso. Com tantas opções, a moeda digital Ankr tem se destacado. 

Lançado em 2017, o projeto começou como uma infraestrutura DeFi baseada em blockchain e plataforma Web3, permitindo uma espécie de cadeira cruzada. O principal objetivo do Ankr é facilitar o acesso e aumentar a eficiência, dando mais agilidade ao processo. 

Antes de saber se vale a pena colocar essa opção de criptomoeda na sua carteira de investimentos, vamos entender alguns pontos importantes para investir com conhecimento. 

O que são criptomoedas?

De forma resumida: é o ativo nativo de uma rede blockchain, em que faz parte diretamente da blockchain na qual é executada, chamada também de moeda nativa. A criptomoeda é oriunda de um sistema digital independente e assim, permite aos usuários enviar e receber transações sem intermediários. Sendo assim, ao realizar uma transferência é registrado em um livro-razão, que é digital, público e inalterável.

Além disso, as criptomoedas costumam ter as seguintes características:

  • Usa criptografia para proteger a estrutura e o sistema de rede;
  • São descentralizadas e funcionam por meio de código de computador;
  • São construídas em uma blockchain própria.

Uma curiosidade é que algumas criptomoedas com blockchains próprias também podem ser cópias de outra criptomoeda, apenas com algo a mais no funcionamento, as cópias do Bitcoin, por exemplo.

  • Litecoin – A novidade é a alteração do código para transações mais rápidas. Enquanto a Bitcoin possui um prazo de 10 minutos para confirmar as transações, a Litecoin precisa de somente dois minutos e meio;
  • Dogecoin – Ainda mais rápida, a alteração é para confirmar as transações em menos de um minuto e também ter moedas infinitas;
  • Dash – A diferença no funcionamento está no modo como é minerais e código alterado para ter mais velocidade.

Bitcoin: Como investir em Criptomoedas com o BTG Pactual

O que é DeFi?

É o conjunto de serviços e produtos financeiros que funcionam em uma blockchain, como empréstimos, transferências e sistemas de pagamentos, como se fosse um banco de dados descentralizado e imutável. Lembrando que não são controladas por nenhum tipo de intermediário.

Essas operações em protocolos são descritas e executadas por algoritmos contratos inteligentes. Por exemplo, para ficar mais fácil de visualizar, você pode pegar dinheiro com outra pessoa em uma negociação peer-to-peer e os detalhes são definidos por contratos automatizados, como a forma de transferência, os valores, os juros e a garantia. Isso significa que não há necessidade de recorrer a um banco ou outra entidade como intermediário.

Em um serviço DeFi, a principal tecnologia é criar um sistema financeiro que seja global descentralizado, independente, barato, menos burocrático, sendo acessível a todos. Mas agora, como investir nisso? Uma das maneiras mais fáceis de aplicar seus investimentos no mundo das finanças descentralizadas é se cadastrar em uma exchange e comprar tokens de plataformas DeFi, com moeda fiduciária.

Renda fixa
Seta Tripla

Descubra agora a
NOVA RENDA FIXA
que pode turbinar seus ganhos. 


Sem contar que as corretoras com operação no Brasil, como Binance, Mercado Bitcoin e Foxbit, disponibilizam criptomoedas de protocolos descentralizados.

O que é Web 3.0? 

É uma nova era da internet que busca ser mais descentralizada, ou seja, bem menos dependente das grandes companhias, principalmente no que diz respeito ao controle dos dados.

Na prática, é uma web com código aberto, com bem menos intermediários e sem o controle eletrônico financeiro do Estado. A ideia é trazer o futuro para mais perto, nessa construção de unir o real e virtual. Numa pegada bem metaverso, sabe?

A Web 3.0 veio para unir o melhor das versões antigas (Web 1.0 e 2.0). A nova era digital segue em desenvolvimento e conta com a ajuda de tecnologias inovadoras e é aí que entra a galinha dos ovos e de ouro com a blockchain e as criptomoedas.

Uma curiosidade é que a  palavra Web 3.0 surgiu em 2014 com Gavin Wood, co-fundador do Ethereum. O cientista da computação defendeu que a fase atual da internet está quebrada e por isso, deveria passar por um período de renovação.

Tanto que algumas empresas já estão explorando o setor, como:

  • Meta, que registrou várias patentes relacionadas inseridas no metaverso, além do uso das criptomoedas e tecnologias com base em blockchain;
  • Shopify, que implementou NFTs e contratos inteligentes;
  • Amazon, que planeja aceitar pagamentos através de criptomoedas;
  • Coinbase, que atua como corretora de criptoativos;
  • Block, que trabalha com serviços relacionados aos criptoativos.

Ankr Criptomoeda

Agora que você já sabe alguns preceitos básicos que envolvem a moeda digital Ankr, vamos falar mais sobre a criptomoeda. O projeto foi lançado em 2017 pelo CEO Chandler Song. A ideia foi criar uma plataforma de fácil acesso para o desenvolvimento de uma internet descentralizada, a Web3.  

Na verdade, o ANKR é um token não durável do Ethereum que serve como combustível para a plataforma Ankr. É uma infraestrutura de cadeia cruzada baseada em blockchain com uma plataforma DeFi. O projeto foi pensado para uma nova internet focada em tecnologia de contabilidade distribuída, com aplicativos, protocolos e sistemas mais privados e seguros para as pessoas. 

Como a maioria das criptomoedas, a proposta principal é eliminar as autoridades centrais e outros intermediários, para que a prioridade e controle seja dos usuários da rede. Além disso, também é possível implantar nós de desenvolvimento e construir dApps, ou seja, aproveitar mais as vantagens. 

Para conseguir ter uma descentralização de aplicativos e nós de staking, dando suporte para a infraestrutura Web3, a empresa usa a computação para coletar recursos de dados que são implantados para desenvolvedores por meio de data centers a custos mais baixos. 


Sendo assim, a moeda digital possui vários utilitários, como pagamentos e acesso a aplicativos implantados na rede, staking e votação em propostas de governança. Isso significa que podem fazer uso eficaz de seus recursos digitais para também transformar um custo em um lucro. 

História do Ankr

Como dito anteriormente, foi fundada em 2017 por dois ex-engenheiros de software da Amazon, Chandler Song, Stanley Wu, junto com Ryan Fang, um analista bancário. Não demorou muito para eles perceberem que suas ideias poderiam ser usadas de maneiras muito mais amplas.

Desde que foi criada, se tornou uma das principais soluções criptográficas e de infraestrutura Web3. O projeto oferece aos usuários uma combinação de infraestrutura de nó, staking e DeFi, que pretende estabelecer uma base para a Web3 com uma rápida adoção em massa.

Através do Ankr, os desenvolvedores podem criar dApps e conectá-los à cadeia de sua escolha de uma maneira bem mais simples. Também é uma alternativa que promove aos desenvolvedores a capacidade de oferecer oportunidades de staking para os membros e soluções de infraestrutura prontas para o uso de empresas que buscam aproveitar ao máximo o blockchain.

Quanto vale um Ankr? 

A criptomoeda está disponível em um número limitado de exchanges, incluindo a Coinbase e a Binance. Se você está pensando em comprar, a forma de pagamento é variada, como transferência bancária, cartão de crédito, boleto e em alguns casos até Pix.

No último final de semana de novembro de 2022, o preço é de US$ 0,02302, com um volume de negociação de 24 horas de US$ 11,67 milhões. Neste momento, está -12,64% em relação à sua máxima histórica de 7 dias de US$ 0,02634 e 16,34% em relação à mínima histórica de 7 dias de US$ 0,01978.

É um bom investimento? 

O principal uso da criptomoeda é pagar por recursos de computação em nuvem. Muitos investidores acabam considerando uma boa opção para ter no portfólio. Sem contar que é um ativo de fácil entrada devido ao seu crescimento e potencial. 

Por isso, se o seu objetivo é investir na proposta de ter uma criptomoeda que pode mudar o papel fundamental no futuro da Internet, então vale a pena. Principalmente por estar sendo pioneira como forma de pagamento por serviços que estão promovendo os recursos da blockchain.

Vale a pena ficar de olho e nessa hora, e claro, contar com um assessor da Renova Invest para tirar suas dúvidas e entender o que fazer, garante maiores chances de retornos.

Não perca tempo e aperfeiçoe seus conhecimentos, se inscreva no nosso canal do YouTube para explorar as melhores oportunidades de investimentos no mercado.

Ficou com alguma dúvida? Caso queria conhecer mais alternativas de investimentos, conte com a nossa assessoria! Entre em contato conosco, temos uma equipe preparada para ajudar você!

Veja também:

Inscreva-se
Notificar-me de
Esse campo só será visível pela administração do site
botão de concordância
0 Comentários
Feedbacks
Visualizar todos os comentários

Utilizamos cookies que melhoram a sua experiência em nosso site. Todos seguem a nossa Politica de Privacidade. Clicando em "OK" você concorda com a nossa política.