JBSS3
JBSS3

Análise Completa: Resultado JBS (JBSS3) para o 4T20

No dia 25 de março, foi apresentado o resultado JBS  (JBSS3) para o 4T20 e as equipes de Equity Research da Eleven Financial Research e do BTG Pactual já realizaram a análise dos dados divulgados. Confira os pontos principais.

JBS apresenta resultados sólidos no 4T20

De acordo com o relatório do BTG Pactual, o desempenho do JBS  (JBSS3) foi sólido, mas com resultados em linha com as estimativas dos analistas.

Enquanto isso, de acordo com o relatório da Eleven, o desempenho foi, mais um vez, positivo. Os resultados superaram as expectativas dos analistas.

Os destaques do período foram Seara e JBS USA.

No dia em que o relatório foi publicado, as ações JBSS3 estavam sendo negociadas a R$ 27,50. A capitalização de mercado era de R$ 71,84 bilhões. O volume médio dos últimos 12 meses era de R$ 395 milhões.

Resultado JBS (JBSS3) para o 4T20

Seara mantém  tendências positivas

De acordo com relatório do BTG Pactual, a Seara novamente se destacou e apresentou receita líquida de R$ 7,5 bilhões, alta de 32% na base de comparação anual e alta de +8% em relação ao trimestre anterior.

Segundo os analistas da Eleven, dois motivos impulsionaram o resultado. O primeiro deles foi o aumento do volume de vendas, que cresceu +5,6% em relação ao mesmo período de 2019. O segundo foi a alta de +24,9%, na base de comparação anual, dos preços médios tanto no mercado interno quanto externo.

Os analistas da Eleven destacam que apesar dos resultados positivos, a margem segue pressionada pela alta dos custos dos grãos. Mesmo com essa pressão, o EBITDA da linha foi de R$ 1,1 bilhão, alta de +51% em relação ao 4T19 e margem EBITDA 14,1%, queda de -1,6 p.p em relação ao trimestre anterior.

JBS USA supera expectativas

Segundo o relatório do BTG Pactual, os resultados da JBS USA Beef foram, mais um vez, fortes. A receita líquida foi de R$ 30,2 bilhões, alta de +26,9% em relação ao mesmo período de 2019 e alta de +5,3% na comparação com trimestre anterior.

De acordo com os analistas da Eleven, essa alta no resultado foi possível graças à alta dos preços, que apresentaram crescimento de +0,5% em relação ao 4T19. O trimestre foi marcado por queda de -3,7% no volume de produção, devido ao fechamento de algumas plantas na Austrália.

A equipe e BTG também destaca a paralisação na Austrália, esse ocorrido afetou o crescimento do EBITDA e margem EBITDA. Segundo o relatório, o EBITDA do trimestre foi de R$ 2,78 milhões, alta de +6,6% em relação ao 4T19 e  a margem EBITDA  foi de 9,2%, queda de -1,8 p.p em relação ao 4T19.

JBS inova na distribuição de dividendos

Segundo os analistas do BTG, é a primeira vez, em muito anos, que a empresa está concentrada em aumentar a distribuição de dividendos aos acionistas. Porém, a empresa continua sem uma política oficial e consistente de distribuição.

De acordo com o relatório do BTG Pactual, o dividendo proposto foi de R$ 2,5 bilhões, o que representa um payout de 54%. Além disso, os analistas observaram que a JBS comprou mais de R$ 1 bilhão de ações só no 4T20. Essas movimentações sinalizam que a JBS está disposta a buscar uma distribuição de dividendos mais agressiva.

Resultado JBS (JBSS3) para o 4T20

EBITDA levemente abaixo das estimativas

Conforme informa o BTG Pactual, o EBITDA da JBS  ficou em R$ 7,03 bilhões. O número revela alta de +24,1% em relação ao mesmo período de 2019 e queda de -12% em relação ao trimestre anterior. O resultado também está -3,3% abaixo das estimativas.

Lucro Líquido cresce quase +70%

Conforme o relatório do BTG Pactual, o lucro líquido da JBS  no quarto trimestre foi de R$ 4,0 bilhões. Esse resultado representa  alta de +65% em relação ao mesmo período de 2019 e alta de +28,3% na base de comparação anual. O número superou em +23,4% as estimativas.

Resultado JBS (JBSS3) para o 4T20

Resultado JBS (JBSS3) para o 4T20

Resultado JBS (JBSS3) para o 4T20

Resultado JBS  (JBSS3) para o 4T20: Recomendações

Recomendação do BTG Pactual

A equipe de análise do BTG Pactual considera que a JBS  (JBSS3) apresentou resultados sólidos. Os analistas esperam para 2021, que as margens se normalizem e voltem a apresentar altas. Hoje, a JBS é considerada uma empresa mais enxuta, focada, diversificada e de riscos reduzidos.

Assim, estabelece recomendação de compra, com preço-alvo em R$ 36,00.

Recomendação da Eleven Financial Research

A equipe de análise da Eleven considera que a JBS  (JBSS3) viverá um bom momento com alta do dólar e demanda por proteínas no mercado internacional. No entanto, o fim do auxílio emergencial e a alta nos custos de produção (grão e gado) devem afetar as margens da companhia no futuro.

Assim, estabelece recomendação neutra, com preço-alvo em R$ 30,00.

 

Esta foi nossa apresentação da análise das equipes de Equity Research da Eleven Financial Research e do BTG Pactual sobre o resultado JBS  (JBSS3) para o 4T20. Acompanhe os conteúdos da Renova Invest para ter acesso a todas as análises de resultados trimestrais.

Disclaimer: As informações apresentadas neste artigo são provenientes de relatórios elaborados por terceiros. Esse material tem caráter puramente informativo, e não configura recomendação ou sugestão de investimento.

Compartilhe:

Deixe uma resposta


Utilizamos cookies que melhoram a sua experiência em nosso site. Todos seguem as regras da nossa Politica de Privacidade. Clicando em "OK" você concorda com a nossa política.