Horário das 8:30-19:00
atendimento@renovainvest.com.br
11-3192-3882

Carteira recomendada pelo BTG Pactual Digital para Outubro de 2019

Carteira recomendada pelo BTG Pactual Digital para Outubro de 2019

//
Posted By
/
Comment0
/

Dia 01/10, o BTG Pactual divulgou a sua carteira recomenda para o mês outubro de 2019.

Carteira Recomendada Mensal de Ações (10SIM) do BTG: uma das mais tradicionais do mercado

Essa é uma das mais antigas e tradicionais carteiras recomendadas do mercado sendo que investidores dos mais variados perfis, desde o estrangeiro até pessoa física passando por institucionais brasileiras olham o relatório. Você que é nosso cliente, ou está para se tornar, tem aqui uma oportunidade única de montar uma carteira todo mês com a assessoria dos analistas do BTG Pactual, o research premiado 5 vezes como o melhor da América Latina pela Institutional Investor.

Racional macroeconômico: retomada do crescimento com juros mais baixos

Em seu relatório, a equipe de research diz que a ”retomada da atividade econômica será o principal driver (motivador) de força para os mercados!” e que estão confiantes de que “as ações selecionadas constituem um portfólio voltado para se beneficiar de uma possível alta do mercado, focado em empresas de alta qualidade e com bom histórico de entrega de resultados. Basicamente, nos mantivemos expostos às companhias que se beneficiam diretamente da retomada do crescimento econômico e de um fechamento adicional da curva de juros.”

O que o BTG quer dizer é que para escolher as ações olha-se o futuro, sendo que no restante de 2019 e, principalmente, em 2020, a economia vai retomar o crescimento, impactada pela forte redução de juros pelo Banco Central e redução do risco-Brasil com a aprovação das reformas.

Alterações do portfólio para o mês de outubro:

Entrou Petrobras no lugar de Bradesco, Cyrela no lugar de Multiplan e Sulamérica no lugar de Kroton. A Petrobras foi escolhida por conta de seu potencial de resultados sólidos no terceiro trimestre depois que a companhia registrou aumento forte nas produções de julho e agosto. Além disso, o management vem vendendo ativos não-estratégicos gerando caixa e reduzindo o endividamento, que não foram precificados ainda, ao lado de aumento nos preços dos derivados de petróleo, principalmente a gasolina e diesel em função do aumento do preço do petróleo no mundo. Já a Cyrela entrou em função do momento favorável do setor imobiliário onde a queda das taxas de juros para tomada de financiamentos e aplicações em renda fixa levaram de volta os compradores aos stands de vendas de imóveis. Além disso, a construtora está com estoques mais baixos e deve apresentar bons resultados no terceiro trimestre. Por último, a Sulamérica foi para carteira pela combinação de dois fundamentos: resultados que devem crescer com as potenciais sinergias dos segmentos vida, saúde e odontológico; e as ações que caíram bem nas últimas semanas criando uma oportunidade de entrada a preços atraentes.

A Carteira Recomendada Mensal de Ações (10SIM) do BTG:

Alterações do portfólio para o mês de outubro:

Performance Histórica:

Em setembro, a Carteira “se valorizou 4,3%, performance superior ao Ibovespa (3,6%) e ao IBRX-50 (3,7%). Desde outubro de 2009, quando o head global de análise e estratégia do BTG, Carlos Sequeira, assumiu o gerenciamento da Carteira, a rentabilidade acumulada é de 253,5%, ante 70,0% do Ibovespa e 98,4% do IBX-50”.

Research do BTG

A montagem da carteira recomendada e sua análise foram feitas pela equipe de research do BTG e o relatório completo você pode solicitar ao seu assessor de investimentos.

Caso tenha dúvidas, procure um assessor de investimentos.

Bons investimentos

 

Disclaimer da Renova Invest

Reforçamos que não se trata de uma recomendação da Renova Invest.

A Carteira foi montada pela equipe de research do BTG e o relatório completo foi assinado pelos analistas do BTG Carlos Sequeira, Bernardo Teixeira e Osni Carfi

Se decidir investir em algum desses ativos, sugerimos que considere o seu perfil de investidor (tolerância a risco), seu horizonte de investimentos (prazo) e a distribuição estratégica do seu portfólio incluindo outros ativos como renda fixa etc.

Todo investimento em ações envolve risco de perda de capital e está sujeito a risco de mercado.

Leave a Reply