Análise Completa: Resultado Unidas (LCAM3) para o 4T20
Análise Completa: Resultado Unidas (LCAM3) para o 4T20

Análise Completa: Resultado Unidas (LCAM3) para o 4T20

No dia 23 de fevereiro de 2021, foi apresentado o resultado da Unidas (LCAM3) para o 4T20 e as equipes de Equity Research da Eleven Financial Research e do BTG Pactual já realizaram a análise dos dados divulgados. Confira os pontos principais.

Unidas traz vários recordes no 4T20

De acordo com os relatórios do BTG Pactual e da Eleven, a Unidas (LCAM3) superou as estimativas das equipes e do consenso, batendo recordes de resultado no 4T20.

O destaque do período foi o lucro líquido recorde.

No dia em que o relatório foi publicado, as ações LCAM3 estavam sendo negociadas a R$ 25,00. A capitalização de mercado era de R$ 12,69 bilhões. O volume médio dos últimos 12 meses era de R$ 76,03 milhões.

Resultado Unidas (LCAM3) para o 4T20

Trimestre bate vários recordes

A Unidas apresentou mais um trimestre com excelente desempenho, superando estimativas já otimistas e bateu vários recordes no 4T20, de acordo com a Eleven.

Os números reportados pela empresa no período foram ainda melhores que os da Movida, que iniciou a temporada de resultados das locadoras de veículos no dia 23.

Na comparação de base anual, a receita de gestão e terceirização de frotas (GTF), que representou 63% do EBITDA em 2020, aumentou (+17,7%) em virtude do maior número de diárias (+9,5%) e do crescimento da tarifa média mensal (+5,5%).

Já a receita de aluguel de frotas aumentou (+18%) e foi impulsionada pelo crescimento nos volumes (+10%) e tarifas (+6%), segundo o BTG Pactual.

Por sua vez, a receita líquida consolidada atingiu R$ 1,6 bilhão (+31%) no período.

Forte margem de Seminovos

Segundo o BTG Pactual, a surpresa positiva no período foi impulsionada principalmente pela divisão de Seminovos.

Na comparação de base anual, as vendas de Seminovos registraram um forte aumento (+48%) para R$ 962 milhões. Esse aumento se deve a maiores volumes (20,3 mil veículos, alta de +22%) a preços recordes (R$ 48 mil/ veículo).

De acordo com a Eleven, o preço médio de venda aumentou para R$ 47 mil (+22%) em 2020, o que, com o crescimento do número de carros vendidos, resultou em crescimento da receita.

Por sua vez, a margem de Seminovos já havia aumentado no 3T20 para 4,5%. Mas, com o significativo aumento de preços, a margem foi de 10,4% no 4T20.

Tanto a maior demanda (+17%, de acordo com a FENAUTO) quanto o aumento no preço dos veículos zero quilômetro, e seu consequente impacto sobre os valores dos carros usados, levaram a Unidas ao seu recorde no número de carros vendidos e preço médio de venda em 2020.

Vendas recordes de frota

De acordo com o BTG Pactual, as vendas de RAC (aluguel de carros) bateram recordes no 4T20.

Na comparação de base anual, as vendas de RAC tiveram alta de +8%, impulsionadas pelo aumento nos volumes e tarifa média voltando para os níveis de 4T19, em virtude do aumento de preços médios em todos os canais mais a mudança de mix no período.

Entretanto, houve uma queda da margem EBITDA de RAC (em IFRS 16) para 44% (contra 47% em 2019) devido a um pior mix de vendas e à abertura de 25 novas lojas. Por outro lado, essa margem representa uma recuperação em comparação aos 36% no 3T20.

Por sua vez, a taxa de ocupação bateu recorde no trimestre, atingindo 84,9% (aumento de 5,5 p.p. na comparação de base anual). As locadoras atingiram essa alta taxa de utilização de veículos em virtude da substituição de parte das viagens de avião e de transporte coletivo pelo aluguel de veículos, segundo a Eleven.

Com essa maior demanda, a Movida e a Unidas tiveram uma recuperação da tarifa diária média a níveis pré-pandemia e um crescimento no número de diárias no comparativo anual.

Desempenho operacional é positivo

Conforme o relatório da Eleven, a Unidas teve um bom desempenho operacional em 2020, mesmo com a pandemia.

Por essa razão, a alavancagem (medida pelo indicador dívida líquida/ EBITDA) ficou no patamar mais baixo desde 2016 (1,94x). Por sua vez, o spread de retorno sobre o capital investido (ROIC) de 13,9% com custo da dívida após imposto de renda (2,9%) atingiu recorde de 10,9 p.p. no 4T20.

Enquanto isso, a dívida líquida/ EBITDA dos últimos 12 meses (de acordo com o IFRS 16) aumentou para 2,6x (contra 2,4 no 3T20). Segundo o BTG Pactual, calcula-se que a alavancagem financeira líquida ajustada é de 3,9x (contra 3,2x no 3T20).

Perspectivas para próximos anos

Segundo a Eleven, os indicadores de atividade comercial indicam um 2021 com crescimento relevante para a Unidas.

As novas contratações em 2020 bateram recorde com 30 mil veículos (aproximadamente 1/3 da frota de GTF ao final de 2019) e receita correspondente de R$ 1,9 bilhão. Só no 4T20 foram 11 mil carros, o que pode ser superado este ano dado que a companhia está disputando contratos, que totalizam 66 mil veículos.

Em termos de perfil da dívida, a posição também é tranquila com os compromissos até 2023, cobertos pela atual posição de caixa e equivalentes.

Por sua vez, a combinação dos negócios com a Localiza, que atualmente está sob análise do CADE, é um dos principais gatilhos para a ação no curto prazo e deve ser acompanhada, de acordo com o BTG Pactual.

Apesar dos sólidos resultados obtidos no período, no atual patamar de múltiplo das empresas combinadas com a Localiza (28,7x P/E 2021), os efeitos positivos da fusão foram antecipados pelo mercado e os riscos agora residem em eventuais restrições impostas pelo CADE e na execução da integração das companhia (post merger integration).

Resultado Unidas (LCAM3) para o 4T20

EBITDA tem alta de +40,3%

Conforme informa o BTG Pactual, o EBITDA da Unidas ficou em R$ 465,8 milhões. O número revela alta de +26,3% e +40,5%, respectivamente,  nas comparações de base trimestral e anual.

Lucro Líquido dobra e bate recorde

Conforme o relatório do BTG Pactual, o lucro líquido da Unidas no 4T20 foi de R$ 197,1 milhões no 4T20. Esse resultado representa alta de +59,6% e +105,3%, respectivamente, nas comparações de base trimestral e anual.

Segundo a Eleven, a redução da depreciação dos veículos RAC no período impulsionou o EBIT e o lucro líquido no 4T20. As despesas de depreciação anual por veículo tiveram queda de -51% em RAC no período.

Resultado Unidas (LCAM3) para o 4T20

Resultado Unidas (LCAM3) para o 4T20: Recomendações

Recomendação do BTG Pactual

A equipe de análise do BTG Pactual considera que a Unidas (LCAM3) teve um sólido conjunto de resultados, que revela uma demanda mais forte que o esperado, juntamente com a dinâmica favorável da indústria. Enquanto isso, a combinação dos negócios com a Localiza, que atualmente está sob análise do CADE, deve ser acompanhada.

A equipe estabelece recomendação de compra, com preço-alvo em R$ 32,00.

Recomendação da Eleven Financial Research

A equipe de análise da Eleven considera que a Unidas (LCAM3) apresentou mais um trimestre com excelente desempenho. Apesar disso, no patamar atual de valuation, o desempenho das ações deve ficar dependente da análise da fusão pelo CADE.

Assim, estabelece recomendação neutra, com preço-alvo em R$ 33,00.

 

Esta foi nossa apresentação da análise das equipes de Equity Research da Eleven Financial Research e do BTG Pactual sobre o resultado da Unidas (LCAM3) para o 4T20. Acompanhe os conteúdos da Renova Invest para ter acesso a todas as análises de resultados trimestrais.

Disclaimer: As informações apresentadas neste artigo são provenientes de relatórios elaborados por terceiros. Esse material tem caráter puramente informativo, e não configura recomendação ou sugestão de investimento.

Compartilhe:

Deixe uma resposta


Utilizamos cookies que melhoram a sua experiência em nosso site. Todos seguem as regras da nossa Politica de Privacidade. Clicando em "OK" você concorda com a nossa política.