resultado Magazine Luiza (MGLU3) para o 3T20
resultado Magazine Luiza (MGLU3) para o 3T20

Análise Completa: Resultado Magazine Luiza (MGLU3) para o 3T20

No dia 05 de novembro, foi apresentado o resultado Magazine Luiza (MGLU3) para o 3T20 e a equipe de Equity Research do BTG Pactual já realizou a análise dos dados divulgados. Confira os pontos principais.

Magalu supera previsões

De acordo com o relatório do BTG Pactual, os números revelados pelo Magazine Luiza (MGLU3) para o terceiro trimestre superaram positivamente as previsões do banco.

Os destaques do período foram, mais uma vez, o e-commerce e o Luizacred.

No dia em que o relatório foi publicado, as ações MGLU3 estavam sendo negociadas a R$ 26,45. A capitalização de mercado era de R$ 172 bilhões. O volume diário médio era de 20,162 milhões de ações.

Análise Completa: Resultado Magazine Luiza (MGLU3) para o 3T20

GMV do e-commerce dispara

Os analistas do BTG Pactual apontam que o Magalu vem apresentando uma evolução significativa como uma plataforma completa de comércio virtual e crescendo no e-commerce.

Para explicar essa evolução, eles apontam três fatores: o aumento da base de vendedores, o fortalecimento das vendas através de aplicativos e a expansão das entregas expressas.

Dados mostram que, no 3T20, o número de vendedores cadastrados na base do e-commerce da empresa chegou a 40 mil, contra 32 mil no período anterior.

O número de usuários ativos dos aplicativos da empresa, incluindo o Superapp da Magazine Luiza e os apps de Netshoes, Zattini e Época Cosméticos, chegou a 30 milhões.

Além disso, foram realizadas entregas expressas (em menos de 24 horas) em mais de 40% das vendas diretas do 3T20, contra 35% no período anterior e apenas 5% em março.

Como resultado, o GMV – Gross Merchandise Volume, métrica do volume monetário líquido de transações no e-commerce (considerando devoluções) cresceu +148% no terceiro trimestre.

Considerando apenas as vendas diretas (entre o Magalu e o consumidor final), o crescimento foi de +149%. Em vendas de marketplace (entre os vendedores cadastrados nas plataformas e o consumidor final), o crescimento foi de +145%.

Carteira da Luizacred aumenta e provisões diminuem

Segundo a equipe de analistas do BTG Pactual, houve um crescimento de +1,9% na carteira de clientes da Luizacred na comparação anual. Assim, foi atingida a marca de 4,9 milhões de cartões.

O uso do cartão nas lojas do próprio Magalu teve queda de -6% em relação ao 3T19. No entanto, esse número foi compensado pelo aumento de +10% no uso em outros estabelecimentos.

Ainda na comparação anual, a receita caiu em -37%. Porém, houve também uma queda de -87% nas provisões e um aumento da taxa de recuperação de crédito.

Como consequência, o resultado financeiro da Luizacred no trimestre foi de R$ 117 milhões. É um salto considerável em relação ao mesmo período de 2019, quando o resultado foi de R$ 14,4 milhões.

Análise Completa: Resultado Magazine Luiza (MGLU3) para o 3T20

Lucro Líquido tem queda em relação ao 3T19, mas não decepciona

Conforme indicado pelo relatório do BTG Pactual, o Magalu registrou lucro líquido de R$ 206 milhões no terceiro trimestre. Esse número apresenta queda de -12,4% em relação ao mesmo período do ano passado.

No entanto, foi significativamente melhor do que era esperado pelo banco, representando uma alta de +52,6% em relação à previsão de R$ 135 milhões.

Além do lucro líquido, a equipe do BTG Pactual também aponta um resultado positivo no EBITDA, de R$ 546 milhões. Além de superar em +44,6% a previsão do banco, também apresentou alta de +9% na comparação anual.

Para completar, o fluxo de caixa operacional chegou a R$ 884 milhões, cerca de quatro vezes o valor registrado no 3T19, que foi de R$ 206 milhões.

Análise Completa: Resultado Magazine Luiza (MGLU3) para o 3T20

Resultado Magazine Luiza (MGLU3) para o 3T20: Recomendações

Recomendação do BTG Pactual

A equipe de análise do BTG Pactual considera que existe a possibilidade de que o crescimento do e-commerce desacelere no próximo ano e faz ressalvas em relação ao valuation do Magazine Luiza (MGLU3). No entanto, reconhece que a empresa tem uma posição forte no mercado devido à sua atuação omnichannel e investimentos em tecnologia.

Assim, estabelece recomendação de compra, com preço-alvo de R$ 23,00.

 

Esta foi nossa apresentação da análise da equipe de Equity Research do BTG Pactual sobre o resultado Magazine Luiza (MGLU3) para o 3T20. Acompanhe os conteúdos da Renova Invest para ter acesso a todas as análises de resultados trimestrais.

Disclaimer: As informações apresentadas neste artigo são provenientes de relatório preparado pelo Banco BTG Pactual S.A. Esse material tem caráter puramente informativo, e não configura recomendação ou sugestão de investimento.

Compartilhe:

Deixe uma resposta


Utilizamos cookies que melhoram a sua experiência em nosso site. Todos seguem as regras da nossa Politica de Privacidade. Clicando em "OK" você concorda com a nossa política.