LREN3
LREN3

LREN3: Análise Completa e Resultados Lojas Renner 1T21

No dia 14 de maio de 2021, foi apresentado o resultado Lojas Renner (LREN3) 1T21 e as equipes de Equity Research da Eleven Financial Research e do BTG Pactual já realizaram a análise dos dados divulgados. Confira os pontos principais.

Lojas Renner traz resultado trimestral fraco

De acordo com o relatório do BTG Pactual, conforme o esperado, a Lojas Renner (LREN3) reportou números impactados pelo fechamento de lojas, devido às restrições impostas pela Covid-19.

Enquanto isso, de acordo com o relatório da Eleven, a companhia apresentou resultados  pressionados pela pandemia.

O destaque do período foi o impacto negativo do fechamento de lojas.

No dia em que o relatório foi publicado, as ações LREN3 estavam sendo negociadas a R$ 44,10. A capitalização de mercado era de R$ 39,49 bilhões. O volume médio dos últimos 12 meses era de R$ 367,59 milhões.

Resultado Lojas Renner (LREN3) 1T21

Fechamento de lojas e redução do tráfego no trimestre

Conforme informa o relatório do BTG Pactual, a Lojas Renner apresentou um resultado pressionado no 1T21.

As vendas tiveram queda de -12% na comparação anual, provocada pela retração de mesma magnitude de SSS (vendas nas mesmas lojas) no trimestre.

Esse resultado negativo é reflexo do fechamento temporário de lojas físicas devido à segunda onda da Covid-19. Por outro lado, a Lojas Renner apresentou forte avanço nas vendas digitais.

As vendas digitais cresceram +173,4% na comparação anual. Segundo a Eleven, elas passaram a representar 17,5% do total de vendas. A companhia foi beneficiada por iniciativas de omnichannel, como o SFS (ship-from-store),  que representou 32% do total das vendas digitais.

A estratégia omnichannel consiste no uso simultâneo e interligado de diferentes canais de comunicação, tendo em vista oferecer uma melhor experiência para o cliente. Por sua vez, o SFS é um tipo de atendimento que usa o estoque da loja física para atender aos pedidos realizados no canal virtual.

Contudo, apesar do crescimento das vendas digitais, isso não foi o suficiente para compensar a relevância das lojas físicas.

Perspectivas para os próximos anos

Conforme informa a equipe do BTG Pactual, a tendência mais fraca era esperada para a Lojas Renner no 1T21.

Os resultados ilustram como o cenário era difícil para a maioria dos varejistas de vestuário ante a pandemia no período. Apesar disso, espera-se uma recuperação gradual nos próximos meses.

Além disso, a equipe pontua que aprecia as iniciativas e investimentos da Lojas Renner para desenvolver um ecossistema de vestuário e estilo de vida mais completo. Isso pode incluir também novas fusões e aquisições, que deve ser gradualmente incorporado pelo mercado na valorização dos múltiplos das ações da companhia.

Vale destacar que a Lojas Renner captou R$ 4 bilhões com o recente follow-on, segundo a Eleven. Assim, encontra-se capitalizada para seguir seus investimentos tanto no desenvolvimento do ecossistema quanto na trajetória de digitalização das vendas. Ainda, a companhia deve ser favorecida em suas soluções financeiras.

Além disso, a Lojas Renner deve seguir bem posicionada para ganhar market share nos próximos anos no fragmentado segmento de varejo de vestuário no Brasil em virtude de diversos fatores. Entre eles, estão sua estrutura de ponta na cadeia de suprimentos e iniciativas omnichannel, todas as quais sustentam a visão de longo prazo positiva.

Receita e margem bruta pressionadas

De acordo com a Eleven, os resultados da Lojas Renner foram pressionados pela pandemia no 1T20, o que levou à uma queda de receita líquida no período.

A receita líquida do varejo das Lojas Renner totalizou R$ 1,36 bilhões. Esse resultado representa queda de -53,3% e -12%, respectivamente, nas comparações trimestral e anual.

No que se refere à margem bruta, houve queda de -3,3 p.p. devido a um ambiente mais promocional e também de uma maior pressão cambial em produtos e insumos importados. Ainda, foi pressionada pela inflação sobre matérias-primas.

Por outro lado, nota-se que ainda assim foi em menor proporção se comparado à retração de -4,1 p.p. registrada no 4T20.

Com relação à operação financeira da Lojas Renner, sua trajetória de recuperação foi favorecida por uma carteira saudável e baixa inadimplência. Dessa forma, houve uma contribuição positiva para o EBITDA, na ordem de R$ 60 milhões no trimestre.

Resultado Lojas Renner (LREN3) 1T21

EBITDA consolidado negativo

Conforme informa o BTG Pactual, o EBITDA consolidado ajustado da Lojas Renner ficou negativo em R$ 102 milhões. O número revela reversão do resultado positivo de R$ 617 milhões no 4T20 e R$ 105 milhões no 1T20.

Vale ressaltar que esse resultado negativo é reflexo principalmente das restrições mais severas no trimestre, impostas pela pandemia da Covid-19, que levou ao fechamento temporário de suas lojas.

Além do câmbio menos favorável e da pressão inflacionária sobre matérias-primas no período, as despesas de vendas gerais e administrativas tiveram alta de +13% na comparação anual.

Dessa forma, com uma menor alavancagem operacional no período e dos investimentos na plataforma digital, os resultados foram pressionados.

Reversão do Lucro Líquido

Conforme o relatório do BTG Pactual, o prejuízo líquido da Lojas Renner foi de R$ 148 milhões. Esse resultado representa reversão do lucro líquido de R$ 354 milhões no 4T20 e R$ 7 milhões no 1T20.

Esse resultado líquido negativo é reflexo das despesas financeiras com aumento de +57% na comparação anual devido à maior alavancagem no trimestre.

Resultado Lojas Renner (LREN3) 1T21

Resultado Lojas Renner (LREN3) 1T21: Recomendações

Recomendação do BTG Pactual

A equipe de análise do BTG Pactual considera que a Lojas Renner (LREN3) segue bem posicionada e deve ser favorecida pela recuperação gradual nos próximos meses.

Por outro lado, pontua que os investimentos adicionais para impulsionar sua plataforma multicanal devem exercer pressão no EBITDA e no resultado financeiro, aliado a um cenário mais desafiador pode pesar sobre as ações adiante.

Por essa razão, a equipe planeja revisar suas estimativas em breve para incorporar esses efeitos.

Assim, estabelece recomendação de compra, com preço-alvo em R$ 46,00.

Recomendação da Eleven Financial Research

A equipe de análise da Eleven segue construtiva com a tese da Lojas Renner (LREN3) em virtude do recente follow-on e investimentos em projetos estruturantes, que devem garantir a manutenção de sua posição de liderança.

Assim, estabelece recomendação de compra, com preço-alvo em R$ 64,00.

 

Esta foi nossa apresentação da análise das equipes de Equity Research da Eleven Financial Research e do BTG Pactual sobre o resultado Lojas Renner (LREN3) 1T21. Acompanhe os conteúdos da Renova Invest para ter acesso a todas as análises de resultados trimestrais.

Disclaimer: As informações apresentadas neste artigo são provenientes de relatórios elaborados por terceiros. Esse material tem caráter puramente informativo, e não configura recomendação ou sugestão de investimento.

Compartilhe:

Deixe uma resposta


Utilizamos cookies que melhoram a sua experiência em nosso site. Todos seguem as regras da nossa Politica de Privacidade. Clicando em "OK" você concorda com a nossa política.