Horário das 8:30-19:00
atendimento@renovainvest.com.br
11-3192-3882

10 Motivos Para Investir em Fundos Imobiliários

Você conhece as vantagens de investir em Fundos Imobiliários? Confira 10 motivos e descubra se esta alternativa de investimento é adequada para você!
10 motivos para investir em fundos imobiliários (1)

10 motivos para investir em fundos imobiliários

Além de escolher os seus ativos individualmente, os investidores têm outra opção para montar uma carteira: comprar cotas de fundos de investimento. Esses fundos são administrados por gestores profissionais e podem ter diversas composições.

No caso dos fundos de investimentos imobiliários (ou FIIs), o foco está no mercado de imóveis. Assim, quem se torna cotista passa a investir na compra, venda ou aluguel imobiliário por meio deles.

Mas você conhece as vantagens de investir em um FII? Confira 10 motivos para investir em fundos imobiliários e descubra se esta alternativa de investimento é adequada para você!

1. Possibilidade de renda passiva

Esta é uma das maiores vantagens dos fundos imobiliários. Eles são conhecidos pelo pagamento de bons dividendos — e a maioria paga mensalmente.

Existem alguns fundos que não fazem esse pagamento mensal, mas eles precisam distribuir os lucros frequentemente. Dessa forma, é possível também obter uma renda constante.

Nesse sentido, eles são opções atrativas para quem investe visando a aposentadoria, por exemplo. Além disso, também é possível obter lucro vendendo as cotas dos fundos por um valor maior do que foram compradas.

2. Facilidade de acesso

O investimento no mercado imobiliário é um dos preferidos dos brasileiros. Entretanto, muitas pessoas fazem escolhas pouco vantajosas por não considerar algumas desvantagens de comprar imóveis diretamente.

Uma delas é a burocracia. Afinal, comprar e vender imóveis demanda muito dinheiro e diversos documentos. Isso sem falar no trabalho com as negociações de preço.

Em contraponto, as cotas de fundos imobiliários oferecem acesso facilitado. Elas são negociadas na B3, a bolsa de valores brasileira. De maneira online e rápida você consegue investir em imóveis sem enfrentar a burocracia característica do setor.

3. Menor custo

Outra desvantagem inegável de quem investe na compra direta de imóveis é o preço. Então, se você está procurando motivos para investir em fundos imobiliários, saiba que o menor custo é um dos benefícios que esse investimento oferece.

Já pensou em ser sócio de grandes empreendimentos — como shoppings, galpões e prédios comerciais — sem desembolsar milhares ou milhões de reais? Isso é viável para quem investe em FIIs.

Ao comprar cotas de um fundo você participa do lucro desses imóveis de alta qualidade. E o melhor: sem pagar o valor para comprá-los integralmente, sem precisar pagar impostos, emitir certidões de compra, etc.

4. Proteção contra a inflação

Uma preocupação muito comum aos investidores é a de proteger o dinheiro contra a inflação. De fato, isso é relevante, já que a perda do poder de compra pode corroer parte da quantia investida e reduzir muito os rendimentos desse montante.

Considerando isso, você tem mais um motivo para investir em FIIs: os contratos imobiliários geralmente incluem clausulas que permitem a correção do valor do aluguel segundo a inflação. Ou seja, fundos imobiliários que focam no aluguel apresentam essa vantagem.

Os FIIs que investem de outras formas — por exemplo, visando a compra e venda de imóveis ou mesmo a negociação de papéis imobiliários — também podem proteger seu dinheiro contra a perda de valor.

5. Isenção de impostos

Pessoas físicas que investem em fundos imobiliários contam com um outro ponto muito positivo ao fazer esses aportes. É que o rendimento desses investimentos é isento de Imposto de Renda (IR) e Imposto sobre Operações Financeiras (IOF).

Isso significa que você não precisa pagar essas taxas sobre o que recebe da sua renda passiva. Só é cobrado IR quando o investidor vende suas cotas nos fundos — nesse caso, a alíquota é de 20% sobre o valor.

Mas é preciso ter atenção em alguns pontos. Para que a isenção de imposto aconteça, o fundo imobiliário precisa ser negociado na bolsa de valores e ter pelo menos 50 cotistas. Além disso, você não pode comprar mais do que 10% das cotas do fundo.

6. Oportunidade de compra fracionada

Esse é mais um dos motivos para investir em fundos imobiliários – e que diminui ainda mais os custos deste investimento. Logo, ela também aumenta a acessibilidade desses ativos aos pequenos investidores.

A compra fracionada é a possibilidade de negociar as cotas por unidades, sem precisar comprar uma quantia financeira maior de cotas. É semelhante ao que acontece com ações na bolsa de valores, permitindo que se invista com menos dinheiro.

7. Proteção contra crises

Você certamente já sabe que todo investimento envolve riscos, principalmente os de renda variável — grupo no qual os FIIs se encontram.

Entretanto, pode-se dizer que os fundos imobiliários são investimentos um pouco mais conservadores na renda variável. Essa característica oferece a possibilidade de que sua carteira fique mais estabilizada diante de possíveis crises.

A liquidez é um aspecto que ajuda nisso. Quem tem um imóvel físico sabe que não é simples ou rápido vendê-lo em um momento de crise e receber o dinheiro por ele. Com os fundos isso é diferente.

8. Comodidade

Que tal ser dono de um shopping sem precisar administrar o prédio, lidar com os locatários e nem divulgar as salas disponíveis para aluguel? Essa comodidade é um dos motivos para investir em fundos imobiliários.

A gestão dos empreendimentos que compõem o portfólio de um fundo cabe ao gestor profissional ou à equipe administrativa do fundo. Dessa forma, a sua parte é investir o dinheiro e acompanhar as decisões tomadas pela gestão.

9. Diversificação

Uma carteira de investimentos diversificada ajuda a melhorar os rendimentos e diminui bastante os riscos que os investidores correm. Nesse ponto, os fundos imobiliários são campeões.

Cada fundo pode ter um portfólio com vários imóveis em locais diferentes. Logo, ao comprar cotas de um FII você já recebe um investimento diversificado.

Além disso, como é um ativo acessível a pequenos investidores, é possível adquirir cotar de fundos diferentes. Assim, a diversificação da sua carteira aumenta ainda mais.

10. Transparência

Fundos imobiliários precisam prezar pela transparência de informações. Isso porque os gestores dos FIIs devem apresentar seus demonstrativos financeiros todos os meses à bolsa de valores e à Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

A transparência também é uma marca positiva na relação da gestão do fundo com os investidores: são emitidos mensalmente relatórios com os principais acontecimentos do portfólio do FII.

Agora você já conhece os 10 motivos para investir em fundos imobiliários. FIIs são, certamente, opções interessantes para considerar na sua carteira de investimentos. Lembre-se apenas de ter atenção ao escolher os ativos – optando por aqueles de maior qualidade e que estão alinhados aos seus objetivos e perfil de investimento.

Quer nossa ajuda para encontrar as melhores oportunidades de investimento em fundos imobiliários? Então entre em contato conosco!